HomeCriptomoeda do Facebook perde mais um fundador

Criptomoeda do Facebook perde mais um fundador

janeiro 21, 2020 By Soraia Barbosa

A criptomoeda Libra do Facebook foi um dos projetos que mais fez barulho durante o ano de 2019. Após o seu anúncio o criptomercado passou a observar o lançamento da moeda bem de perto, o Bitcoin até chegou a reagir com uma alta do preço em muitos órgãos regulatórios. No entanto, a moeda acabou tendo o seu desenvolvimento prejudicado depois de vários problemas com diferentes países e com os próprios fundadores do projeto.

O problema inicial surgiu assim que governos de vários países (principalmente o dos EUA) começaram a colocar dificuldades no desenvolvimento do projeto. Sempre citando preocupações com lavagem de dinheiro e privacidade, a moeda acabou entrando em um limbo regulatório.

Apesar de continuar mantendo uma data de lançamento para 2020, logo o projeto Libra foi perdendo parceiros, com o PayPal, Mastercard, Visa e Stripe sendo os primeiros a sair da “Associação Libra”, que era formada pelos membros fundadores e investidores iniciais da moeda.

Agora, de acordo com o site CoinDesk, mais um importante parceiro abandonou a associação. Dessa vez foi a Vodafone, um conglomerado de telecomunicações do Reino Unido.

A Vodafone e a Libra confirmaram nesta terça-feira que a companhia não faz mais parte do consórcio de grandes empresas que representariam a governança da Libra. A Vodafone vai dedicar os seus recursos, que antes iriam ser direcionados ao projeto Libra, para o sistema de pagamentos M-Pesa.

O M-Pesa é um sistema digital de pagamentos já bem estabelecido e de sucesso, com muito uso em países do continente africano.

 

Comprar Ethereum no Brasil – Método Fácil

 

Em um anúncio, um porta-voz da Vodafone disse que a companhia acredita que pode ser mais eficiente em levar o sistema financeiro para os mais pobres ao focar no M-Pesa por enquanto.

“Nós sempre dissemos que o foco do Vodafone é fazer uma contribuição genuína à inclusão financeira. Nós continuamos completamente comprometidos com esse objetivo.”

Apesar parecer um fim de contrato amigável, e que não citou preocupações com a regulamentação, a VodaFone agora se junta ao PayPal, Mastercard, Visa, Mercado Pago, eBay, Stripe e Booking Holdings entre os fundadores que abandonaram o projeto.

Como é de se esperar, esse não é um bom momento para a Libra, que parece até já ter sido esquecida por grande parte do público.

Enquanto a Libra não é exatamente um projeto ideal, de acordo com os fundamentos que levaram à criação do Bitcoin, ele já teve um impacto interessante em todo o setor financeiro.

Apesar de ainda não ter sido lançada, após o anúncio da criptomoeda do Facebook houve um aumento considerável dos Bancos Centrais correndo para criar suas próprias criptomoedas.

Mesmo se a Libra for um fracasso total, ela conseguiu acordar o sistema financeiro tradicional para a necessidade de evoluir ou entrar em colapso (talvez tenham acordado um pouco tarde demais).

Veja também: Reino Unido oferece US$130 mil por software que pode rastrear criptomoedas

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais: