HomeUS$132 milhões em EOS são queimados para conter inflação

US$132 milhões em EOS são queimados para conter inflação

fevereiro 26, 2020 By Sabrina Martins

Apesar de existirem muitos problemas com o dinheiro fiduciário, a inflação é um dos que mais atinge negativamente os indivíduos. Os ativos digitais vieram para mudar esse cenário.

Seguindo esse raciocínio, o EOS decidiu queimar 34 milhões de tokens bloqueados em uma conta poupança para conter a inflação da rede. Como resultado, US$132 milhões em EOS foram destruídos.

De fato, a proposta da diminuição da inflação estava em votação há algum tempo. Todavia, só conseguiu ganhar força agora em 2020 e foi votada para ser reduzida em 80%. Como consequência, a taxa de inflação anual saiu de 5% para 1%.

Só para ilustrar, o EOS, com a nova inflação, precisaria de US$40 milhões para manter os preços atuais. Em contrapartida, seu principal concorrente, Ethereum, com uma inflação de 5%, precisaria de US$750 milhões para garantir os valores atuais. Até mesmo o principal criptoativo, Bitcoin, não tem uma inflação tão baixa quanto a do EOS. O BTC tem uma de 3,6%, isso exigiria US$6,14 bilhões para manter os preços atuais do criptoativo original.

Da mesma forma que muitos criptoativos, os tokens EOS eram acumulados na conta de economia do ativo digital. Entretanto, com a votação da comunidade na queima de tokens a conta ficou vazia. Ademais, os novos tokens ao invés de serem cunhados, serão distribuídos diretamente aos produtores do bloco. Isso pode ser um pequeno problema, pois quem opera na rede geralmente vende o token para pagar os custos gerados. Assim sendo, há uma pressão para a venda.

Embora muitos fiquem surpresos, essa não é a primeira vez que a comunidade vota e os fundos do EOS são esvaziados. Em 2019 a comunidade da altcoin também viu 34 milhões de tokens serem destruídos.

Em suma, a queima de tokens do EOS mostra o quanto a rede está nos fundamentos dos criptoativos de descentralização. De acordo com Brendan Blumer, CEO da Block.One, isso prova que o poder da governança descentralizada e das redes projetadas operaram no melhor interesse de seus titulares.

“Se o EOS não for descentralizado, nada será. E se nada for descentralizado, o EOS ainda estará alinhado”.

Apesar de contar com a descentralização, o EOS apresenta um dos piores desempenhos do top 10. De acordo com os dados do CoinMarketCap, a altcoin está com uma desvalorização de 14.25% e está sendo negociada a US$3,51.

Tags: