HomePrincipais nomes do setor de blockchain têm tendencia a depressão

Principais nomes do setor de blockchain têm tendencia a depressão

Clovr, empresa de criptomoedas focada em pesquisa, revelou que grandes líderes do mercado de criptoativos estão irritados e deprimidos. A pesquisa revelou que os 17 nomes pesquisados desse mundo de blockchain têm 98,4% mais chances de demonstrarem raiva e 46,4% mais chances de abrigarem depressão que os principais nomes da tecnologia tradicional. A Clovr utilizou a plataforma de inteligência artificial do IBM Watson para análise.

Para traçar o perfil dos atributos e características mais significativas de cada um, os pesquisadores coletaram escritas fornecidas e transcrições de entrevistas (com no mínimo 3.000 palavras) de cada fundador e CEO e as forneceram ao serviço Watson Personality Insights da IBM para análise.

Clovr escolheu os líderes das principais criptomoedas e exchanges. Todos entre os 20 primeiros em capitalização de mercado ou volume de negociação. Os nomes que os pesquisadores não conseguiram as 3.000 palavras foram descartados da pesquisa. As personalidades das criptomoedas foram comparadas com importantes nomes da tecnologia, como Bill Gates (Microsoft), Mark Zuckerberg (Facebook) e Tim Cook (Apple).

Em relação aos gigantes da tecnologia os líderes de criptomoedas, segundo a pesquisa, são menos organizados.

“Os dados sugerem que os líderes de criptomoedas podem ser menos organizados que seus colegas de tecnologia, mas com várias mudanças ocorrendo na velocidade da luz, os executivos de criptomoedas devem agir rápido e decisivamente ou correr o risco de perder milhões de dólares”.

A área em que os dois setores mais se aproximaram foi a do alcance emocional e agradabilidade. Liberalismo e cautela são as regiões que os dois grupos mais se diferenciam. Para um setor tão inovador como das criptomoedas cautela pode ser considerada uma característica que muitos não apreciam.

No intelecto, apesar de não haver muita diferença entre os analisados, os destaques foram Vitalik Buterin (Ethereum), Brian Armstrong (Coinbase) e Brad Garlinghouse (Ripple) com pontuações perfeitas. Já na cautela Jesse Powell (Kraken), Changpeng Zhao (Binance) e Justin Sun (Tron) ficaram com as melhores colocações.

Os líderes de criptoativos também se mostram mais vulneráveis que os da tecnologia tradicional e são em média, 79,5% menos amigáveis que seus homólogos. As lideranças da tecnologia tradicional também se revelaram mais alegres e sociáveis.

Com a pesquisa podemos analisar que as principais características dos executivos dos dois setores, como inteligência e inovação são muito parecidas. Além de percebermos o quão brilhante esses dirigentes são, a pontuação tirada em cada aspecto pode ditar o futuro dos criptoativos e das exchanges.

Clique aqui para ler: Investir em criptomoedas é arriscado? 5 ameaças pra quem usa e investe em criptomoedas

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Etiquetas:

Assine o nosso boletim informativo exclusivo!

E-mails personalizados

Sem SPAM

Notícias sobre alt coins

Cancele a inscrição quando quiser

Depois de se inscrever, poderá também receber ofertas especiais ocasionais da nossa parte via e-mail. Nunca iremos vender ou distribuir os seus dados a terceiros. Consulte a nossa Política de Privacidade aqui.