Presidente da Unick sobre clientes: “Eles que se f…”

2s Comentários

A Unick Forex foi um dos maiores golpes recentes no mercado brasileiro de forma geral. A empresa que prometia lucro fácil em cima do Bitcoin sem que os investidores tivessem qualquer conhecimento técnico sobre criptomoedas, revelou ser um esquema de pirâmide e deixou dezenas de milhares de pessoas no prejuízo. Mas, apesar de todo o estrago, parece que Leidimar Lopes, presidente da Unick nunca teve a intensão de respeitar seus clientes.

De acordo com informações do site Jornal NH, que foram publicadas também pelo Portal do Bitcoin, foram vazados nessa quarta feira 22 diálogos entre Leidimar Lopes e um de seus parentes. As escutas demonstram que o presidente da Unick não apenas não pretendia pagar os clientes que cancelaram seus planos, como tinha uma opinião bem forte sobre eles.

O jornal explica que a conversa era entre o presidente da Unick, que atualmente está preso por acusações de fraude financeira e crimes contra economia popular, e um de seus parentes próximos por volta de setembro do ano passado.

No conteúdo da conversa Leidimar reclamava dos clientes que tinham cancelado as contas a Unick.

“Por que os que continuam tão certo aqui? Por que eles quiseram cancelar? Eles que vão se f…agora. Não mandei ninguém pedir o cancelamento.”

 

Como comprar Bitcoin no Brasil

 

Como dá para entender, a ideia da empresa nunca foi de devolver o dinheiro daqueles que queriam sair do esquema. Como toda boa pirâmide financeira, sem uma base o esquema não se sustenta. Por isso, quando clientes querem sair de esquemas assim, dificilmente conseguem, já que o dinheiro precisa ser mantido para dar a impressão de “pagando certinho” para os que ainda se mantém na fraude.

“Eu nunca falei pra ninguém que devolvia dinheiro pra alguém. Ou ouviu eu falando alguma vez isso aí pra alguém? Que se F… agora”, continuou o líder da pirâmide.

Em uma outra parte da conversa os dois se mostram preocupados com atentados à suas vidas. Leidimar até recomenda que o parente ande armado e que fique atento com qualquer movimentação suspeita.

“Se baterem no carro ou se chegarem perto, não tem que parar. Se furar um pneu, uma coisa, tem que continuar… Tem que se fazer de louco. E lá no meio do mato, se alguém atravessar, tem que meter (o carro) em cima e tocar-lhe fogo. Não dá pra dá moleza”

Unick e outras pirâmides em conflitos internos

A briga (e o medo) dessas pirâmides não é apenas com os seus clientes. Em uma sequência de áudios revelada pelo canal Verdades que Chocam é mostrado uma briga interna entre os líderes da Unick que se acusam de ter dado o golpe na empresa (golpe no golpe).

Além disso, outras pirâmides, como a Midas Trend, também estão em conflitos entre líderes e vítimas, principalmente após anunciarem a “Midas Internacional” para continuarem aplicando golpes em novos investidores.

 

Veja tambéma: O Bitcoin Cash trará anonimato para suas transações

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

 

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.