HomePoloniex permite que contas sejam abertas sem KYC

Poloniex permite que contas sejam abertas sem KYC

dezembro 24, 2019 By Sabrina Martins

A exchange Poloniex no final de 2019 se separou da Circle Inc. e anunciou que saldos de seus usuários americanos estariam sujeitos a taxas. Esses acontecimentos fizeram com que seus clientes retirassem seus montantes de Bitcoin e Ethereum da plataforma.

Contudo, a exchange de maneira rápida anunciou a abolição do processo de KYC, sigla em inglês para conheça seu cliente, de sua plataforma. Isso atrairá usuários de criptoativos que buscam mais privacidade ao abrir uma conta em uma corretora. A mudança só foi possível porque a Poloniex não atua mais com usuários dos Estados Unidos.

“A partir de agora, todos os novos clientes podem se inscrever e começar a negociar usando apenas um endereço de e-mail e senha. Qualquer cliente que se inscrever daqui em diante pode começar a negociar em segundos com uma conta de nível 1”.

No nível 1 os clientes têm acesso à negociação e limites de depósito ilimitados. Além disso, podem sacar até US $ 10.000 por dia (contas verificadas podem retirar US$25.000 por dia). As vantagens não param por aí. Os usuários também podem participar de concursos e usar o Trollbox.

As contas que haviam sido congeladas anteriormente, por falta de documentação, serão reativadas e atualizadas diretamente para uma conta de nível 1.

“Para nossos clientes não verificados há muito tempo, sabemos como sua experiência foi frustrante recentemente e nos dedicamos a melhorar isso para você. É por isso que priorizamos a criação dessa nova camada de conta e estamos atualizando as contas de clientes existentes como um de nossos primeiros passos no sentido de atender às necessidades de nossos traders de criptoativos globais”.

A novidade da Poloniex deixou muitos amantes da privacidade contentes. Entre eles está o CEO do fundo Three Arrows Capital. Su Zhu encorajou outras exchanges agirem da mesma forma que a Poloniex.

A Poloniex, focando em privacidade, tem ido na contramão de exchanges que tiraram os criptoativos com foco em anonimato. A Okex removeu o Monero, o Zcash e o Dash em setembro deste ano. O motivo relatado foi a promulgação da lei Financial Action Task Force destinada ao combate de lavagem de dinheiro e financiamento de terrorismo.

Entretanto, alguns investidores acreditam que essa medida da exchange é somente para atrair um alto número de clientes já que teve uma perda muito alta com a saída da Circle.

O Know Your Customer (KYC) foi implementado por muitas exchanges para que possam estar dentro dos requisitos legais de seus países. O processo condiz em solicitar dados pessoais dos usuários (documentos com foto, selfie, comprovante de residência fixa, entre outros) para que a lavagem de dinheiro e o financiamento do terrorismo possam ser identificados e rastreados.

 

Clique aqui para ler: Investidores em tokens IEO perderam até 98% dos investimentos

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Tags: