Facebook muda regras e vai permitir publicidade sobre blockchain

0 Comentários

O Facebook sabe que a propaganda é a maior alma do negócio e também sabe que hipocrisia é algo ruim para qualquer empresa. Por isso, em meio a rumores de que a empresa vai lançar sua própria criptomoeda e utilizar as criptomoedas, a companhia está mudando suas regras em relação a publicidade ligada a esses setores.

Na quarta-feira, a gigante das redes sociais anunciou que estava afrouxando suas regras sobre publicidade relacionada a criptomoedas e a tecnologia de blockchain. Alguns tipos de anúncios permanecerão proibidos ou, no mínimo, exigirão aprovação prévia. Mas os usuários agora poderão veicular anúncios “relacionados à tecnologia blockchain, notícias do setor, educação ou eventos relacionados à criptomoeda”, sem a necessidade de pré-aprovação do Facebook.

A mudança de regra veio 16 meses depois que o Facebook proibiu pela primeira vez todos os anúncios de Bitcoin, criptomoedas e ICOs em meio a uma onda de fraudes e esquemas no mínimo obscuros da criptoindustria. Posteriormente, a empresa permitiu alguns anúncios relacionados à tecnologia, mas somente se eles fossem pré-aprovados.

Porém, como comentamos, a nova mudança veio justamente depois que rumores circulam sobre as ambições do Facebook no criptoespaço e depois que notícias vazaram sobre os esforços da equipe secreta de blockchain da companhia.

Até agora, o Facebook se manteve bem secreto sobre a direção que sua equipe de blockchain está tomando, e tais novidades ficaram visivelmente ausente da F8, a maior conferência de desenvolvedores do Facebook, no início deste mês.

Sobre os anúncios, o Facebook diz que ainda exigirá aprovação prévia para anúncios que promovam diretamente criptomoedas ou trading de criptomoedas e que os anúncios de ICOs permanecerão proibidos.

Nosso compromisso é impedir publicidade enganosa em nossas plataformas, em especial na área de produtos e serviços financeiros. Como consequência, quem quiser promover criptomoedas e produtos relacionados, como câmbio, hardwares e softwares de mineração, ainda precisará se submeter a um processo de análise. Esse processo continuará levando em conta as licenças obtidas, sejam elas negociadas em uma bolsa de valores pública (ou subsidiária de uma empresa pública), além de outros históricos públicos relevantes sobre a empresa.”

Veja também: Lançamento da rede de teste do Ethereum 2.0

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.