A segunda edição do Festival FinTech de Singapura começou e terá duração de uma semana

0 Comentários

Com duração de uma semana, o festival Fintech de Singapura deste ano é organizado pela Autoridade Monetária de (), o Banco central do país e o regulador financeiro, em parceria com a Associação de Bancos de Singapura (ABS), uma organização que representa o varejo e a comunidade bancária de Singapura. O evento inaugural do ano passado teve mais de 13 mil participantes de 60 países, o evento desse ano terá uma semana de duração e será composto por mais de 25 mil participantes de mais de 100 países.

“Estamos felizes pelo crescimento do de Singapura deste ano, tornando-se o maior do mundo”, afirmou o chefe do MAS, . “É uma plataforma para a comunidade global mostrar novas idéias e conhecer as novidades. Haverá muitas oportunidades para que as instituições financeiras e FinTechs se juntem e colaborem em parcerias com valor agregado”.

Para Singapura, o evento é marcante por ser organizado pelo banco central do país, uma instituição que toma as rédeas do mercado afim de estabelecer a Singapura como um centro FinTech global.

Leia também  Auto regulação: O caminho para as Criptomoedas

A comunidade global , em particular, está atenta ao relatório técnico do MAS da Fase 2 do Projeto Ubin, a iniciativa do Banco central de desenvolver e implantar um dólar digital de Singapura. No início deste ano, a Fase 1 foi o Banco central “colocar uma forma tokenizada do dólar de Singapura (SGD)” em uma Blockchain privada.

O destaque do evento contará com uma conferência FinTech de três dias, a partir desta terça-feira, com mais de 160 líderes de Bancos centrais, agências reguladoras, instituições financeiras e empresas FinTech. A conferência também contará com uma palestra da rainha Máxima dos , na qualidade de advogada especial da Secretaria Geral das Nações Unidas para financiamento inclusivo, falará sobre o uso da tecnologia para um futuro financeiramente inclusivo. O segundo dia da conferência FinTech incluirá um discurso de abertura de , ministro das Finanças da Índia.

Leia também  Que tal um salário de R$ 600 mil? Demanda por desenvolvedores Blockchain é alta na Suíça

Na quinta-feira, o evento mostrará 20 soluções FinTechs prontas para o mercado selecionadas entre quase dos 600 enviados de todo o mundo como parte de seu programa Global FinTech . As soluções prontas para implantação irão se concentrar em áreas chave selecionadas, nomeadamente soluções voltadas para o cliente, tecnologia regulatória e inclusão financeira.

Fonte: Cryptocoinsnews.com

Tradução/Adaptação: Guia do Bitcoin

Vai ficar de fora?
Para manter-se atualizado sobre novidades, ofertas e dicas, informe-nos que você gostaria de receber atualizações por e-mail inserindo seu endereço de e-mail e clicando para se inscrever. Como usamos as suas informações?​

INSCREVER
close-link