O Mito da Criptomoeda Grátis

1 Comente

No prólogo do livro de Paulo Rabello de Castro: “O mito do governo grátis: o mal das políticas econômicas ilusórias e as lições de 13 países para o Brasil mudar”, se diz algumas coisas tão sucintas quanto importantes para o a nossa reflexão entre entusiastas de criptomoedas.

“O mito do governo grátis, aquele que promete distribuir vantagens e ganhos para todos, sem custos para ninguém, é o fenômeno político que está na raiz do declínio do vigor da economia e na estagnação do processo produtivo. Mas não existe nada de especialmente errado com a sociedade brasileira. O problema está com quem nos governa, e como temos sido governados, por gerações sucessivas”.

Será que também não vivemos o fenômeno do mito da criptomoeda grátis? Explico.

Promessas irreais

Há alguns entusiastas de criptomoedas que parecem políticos brasileiros na hora de prometer vantagens aos possíveis investidores. Nada pode dar errado, a única perspectiva futura é o crescimento infinito (já vimos isso em algum lugar), a lua (de saturno) é o alvo mais prudente, e coisas desse tipo. O fato de que as coisas podem não acontecer de forma tão rápida e fácil quanto previsto é convenientemente deixada de lado e resta apenas um eco de “vote em mim”, quer dizer “invista em mim”(isso é particularmente verdadeiro quando o entusiasta é o “dono” de um token que vai ser o novo bitcoin seis meses após o aporte de milhões de dólares da parte de gente muito esperta).

Infelizmente, há um discurso irreal e nada razoável entre alguns adeptos de criptomoedas, especialmente na área das ICO´s (vai um airdrop aí?), que tendem a achar que todas as soluções estão contidas nas suas mágicas moedas descentralizadas (ou não) e é isso. Uma linda proposta de campanha para ser eloquentemente pregada em um palanque virtual qualquer.

As Criptomoedas são uma revolução fundamentada na realidade

Entretanto, os adeptos do Bitcoin e das Criptos devem ser um grupo de pessoas conscientes financeiramente falando, e isso indica que é importante saber que não existe almoço grátis, quanto não existe dinheiro grátis, nem mesmo “cripto-dinheiro grátis”. Inclusive, é por isso que parte essencial dessa revolução tem que ver com a discussão sobre o modelo de mineração de moedas digitais pela prova-de-trabalho, que é algo que é “custoso” de se fazer, com intenções de que isso dê valor e segurança às redes/moedas descentralizadas.

A realidade é que o dinheiro precisa ser útil, bem desenvolvido e bem aceito, escasso e valioso e há MUITO TRABALHO para que as perspectivas fundamentais do Bitcoin e das Criptos sejam conhecidas e vivenciadas por uma quantia cada vez maior de pessoas, de maneira que cheguemos a um momento histórico real onde possamos superar o paradigma centralizado que tanto mal faz. Mas nada disso vem de graça.

Conclusão

As criptomoedas não são uma forma de fazer dinheiro fácil, rápido e infinito, mas são uma forma de fazer dinheiro de verdade. Promessas irreais conduzem a resultados desastrosos e não é isso que desejamos construir com uma nova forma de fazer e gerenciar o dinheiro através do Bitcoin.

Ezequiel Gomes

Guia do Bitcoin

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin!
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

Escreva um comentário

1 Comentário

Excelente matéria!Na Livre Moeda você ganha criptomoedas assistindo comerciais!!

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.