HomeVenezuelanos encontraram nova maneira de enviar criptomoedas durante “apagão”

Venezuelanos encontraram nova maneira de enviar criptomoedas durante “apagão”

bandeira venezuela e uma boia salva vidas

Mesmo com a falta de energia elétrica que tem assolou a Venezuela e causou um apagão no país, de 8 de março a 14 de março, os cidadãos continuaram a usar o Bitcoin e outras criptos, enviando as criptomoedas via SMS. Conforme relatado por entusiastas de criptomoedas do país.

Devido à falta de eletricidade, caixas eletrônicos e agências bancárias pararam de funcionar em todo o país, as pessoas perderam o acesso ao próprio dinheiro. No entanto, graças a tecnologia de telefonia celular aliada a tecnologia das criptomoedas, os venezuelanos puderam enviar Bitcoin e outras criptomoedas uns aos outros via SMS.

O serviço mais utilizado foi o Cointigo, que permite enviar e receber Bitcoin, Bitcoin Private, Litecoin, Dash, ZenCash e Komodo para qualquer número de telefone.

Durante o período de apagão, os volumes negociados na LocalBitcoins caíram 40%, mas já retornaram ao nível normal registrado antes do apagão.

Vale destacar que no início de março, as duas principais empresas de pagamento a Visa e MasterCard anunciaram uma possível suspensão dos serviços venezuelanos. Isso mostra a superioridade das criptomoedas em relação ao serviço disponibilizado por essas duas gigantes.

Leia mais: 2019: As 6 melhores altcoins no top 50

Etiquetas:

Assine o nosso boletim informativo exclusivo!

E-mails personalizados

Sem SPAM

Notícias sobre alt coins

Cancele a inscrição quando quiser

Após a inscrição, de vez em quando, você também poderá receber nossas ofertas especiais por e-mail. Nunca iremos vender ou distribuir seus dados a terceiros. Consulte a nossa Política de Privacidade aqui.