US$14 bilhões em Bitcoin estão em apenas três exchanges

0 Comentários

A posse de Bitcoin pelas exchanges não para de aumentar. Ao passo que a Coinbase aumenta sua liderança na corrida com 1 milhão de bitcoins detidos, outras corretoras também armazenam grandes quantidades de BTC. O fato traz preocupações, pois isso mostra que muitos usuários ainda deixam seus criptoativos em exchanges, mesmo com os recorrentes ataques hackers.

Embora a Coinbase tenha o número que mais chama a atenção, Huobi e Binance também contam com grandes reservas. A Huobi hospeda 462.000 BTCs e a exchange de Malta 307.000 BTCs. De acordo com os dados do momento da escrita do artigo, apenas as três corretoras detêm US$14,7 bilhões em Bitcoin.

Todas as três exchanges são centralizadas. Sendo assim, são alvos potenciais para hackers de todo o mundo. Certamente que Coinbase, Huobi e Binance trabalham com sistemas para garantir a segurança de seus criptoativos. Melhorias, como armazenamento de fundos em cold wallet e exigências de autorizações adicionais de retiradas, estão sendo implementadas.

Todavia, nada é garantido. Da mesma forma que as exchanges têm se aprimorado, os hackers estão ficando mais sofisticados. A própria Binance declarou em 2019 que sofreu um ataque hacker, algo que foi muito contestado pela comunidade blockchain. A nova década pode trazer uma quantidade de hackers superior a 2019 que conseguiu ser o ano com o maior número de ataques.

Certamente uma das grandes preocupações das exchanges será o Lazarus Group. De acordo com pesquisadores da Kaspersky, o famoso grupo de crimes cibernéticos, além de ter melhorado suas táticas, está com foco maior em exchanges. Ademais, o Lazarus tem um número maior de misturadores, carteiras e liquidações mais rápidas.

Conforme anunciado pela ChainAnalysis, empresa de vigilância de blockchain, ocorreram 11 ataques em 2019 contra “apenas” 6 em 2018. Em contrapartida, os fundos roubados foram menores que em 2018. Ademais, nenhuma invasão foi tão poderosa quanto a da Mt. Gox em 2014. Contudo, a exchange Coinbene sofreu um ataque hacker bem sucedido e perdeu US$105 milhões em 109 diferentes tokens ERC-20 de sua hot wallet em 2019.

A ChainAnalysis afirmou que não contabilizou golpes de saída da exchange ou casos de usuários explorando um erro de câmbio. Por esse motivo a contagem final de ataques pode ser diferente de outras fontes da mídia.

Por mais que a frase “Exchange não é carteira” possa parecer repetitiva, ela deve ser dita. Essa grande concentração de Bitcoin em apenas três exchanges faz com que hackers se sintam mais motivados a atacá-las. Seus criptoativos precisam estar em sua posse para estarem seguros. Como diz Antonopoulos: Your Keys, Your Bitcoin. Not Your Keys, Not Your Bitcoin.

 

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.