HomeTRON anuncia período do beta testing do BitTorrent Live

TRON anuncia período do beta testing do BitTorrent Live

março 27, 2019 By Matheus Henrique

A gigante de compartilhamentos P2P BitTorrent, agora uma subsidiária do projeto TRON, abriu o período de beta testing do seu mais novo produto, o BitTorrent Live.

A ideia do projeto é se tornar uma plataforma semelhante ao Snapchat, porém descentralizada, que permite aos usuários criar conteúdos e fazer transmissões em tempo real usando o aplicativo mobile BitTorrent Live. O público poderá interagir com os criadores de conteúdo e dar feedback em tempo real na forma de comentários, curtidas e, eventualmente, pagamentos.

Em um release de imprensa, a BitTorrent revelou que o aplicativo irá, futuramente, trabalhar com a BTT token, da TRON, para facilitar pagamentos na blockchain e permitir que os streamers monetizem os seus conteúdos.

A intenção do projeto da TRON é oferecer à comunidade uma nova forma de se conectar, e oferecer aos criadores de conteúdo uma forma de conseguir lucrar com os seus conteúdos.

Justin Sun, CEO da BitTorrent e da TRON Foundation, disse: “Imagine conversar com o seu atleta favorito, ter imersão em um festival de música, ou encontrar novos amigos para compartilhar paixões, tudo isso simplesmente abrindo o app BitTorrent Live. Ao usar a nossa tecnologia descentralizada, nós queremos criar uma internet sem fronteiras, mas também estar na vanguarda de uma nova experiência de conteúdo”.

O BitTorrent Live será lançado em etapas. No momento o registro para os testes beta está aberto, e o beta oficial começará no final de 2019. Você pode se inscrever aqui.

A blockchain continua se tornando cada vez mais presente no mainstream com esses serviços baseados em streaming, games, tecnologia e plataformas focadas na indústria da música, mostrando que ledgers distribuídos podem ser usados para muito mais do que apenas armazenamento de dados e pagamentos. A descentralização é uma tendência que vem crescendo cada vez mais e certamente iremos colher os frutos disso no futuro.

Veja também: O curioso caso dos contratos futuros Bitcoin e da CBOE