HomePolítica quer arrecadar US$ 1 milhão em criptomoedas

Política quer arrecadar US$ 1 milhão em criptomoedas

setembro 29, 2019 By Diego Marques

Em campanha ao congresso norte-americano, a candidata Agatha Bacelar conseguiu arrecadar quase 50 mil dólares em criptomoedas. As doações vieram de diversas empresas e entidades diferentes, com valores em Bitcoin, ETH, LTC e USD Coin. A iniciativa não é a primeira neste âmbito, mas está colocando o criptomercado em novas esferas, o que pode trazer muitas oportunidades para ele a médio prazo.

O criptomercado e a política

No total, a campanha de Bacelar recebeu o equivalente a 47.681 dólares em criptomoedas. No entanto, a meta da candidata é aumentar o montante para 75 mil dólares e depois para um milhão, tudo em ativos digitais. Defensora do criptomercado e de seus ativos, ela tem pedido ajuda para o eleitor investidor, que quer ter suas transações facilitadas. Além disto, se eleita a candidata promete intervir a favor das moedas digitais no país.

Este é um momento importante e delicado para o criptomercado nos EUA. Por um lado, há uma forte resistência de entidades importantes com relação a criptomoeda, como o banco central norte-americano. Ao mesmo tempo, os ativos digitais, sobretudo o Bitcoin, tem crescido no país. Bacelar não é a primeira política a fazer uso dessas moedas digitais, o que pode trazer algumas perspectivas interessantes para que se consolidem no futuro.

Um domingo de expectativas

Estando nos últimos dias de setembro, neste domingo o Bitcoin perdeu a força que tinha obtido ontem e voltou a cair. A moeda está em uma desvalorização próxima dos 2%, na casa dos 8 mil dólares. As expectativas, no entanto, estão voltadas para o mês de outubro, que inicia próxima terça-feira. Tanto para os investidores quanto para os analistas, o último trimestre do ano deve trazer oportunidades interessantes de negociação, o que deve alavancar o ativo.

É importante lembrar que o comportamento atual da criptomoeda é de oscilação, e uma nova alta pode ocorrer apenas em médio prazo. Desta forma, o início do mês ainda pode ser meio ameno para o BTC, que deve mostrar mais fôlego somente nas próximas semanas. Até lá, há uma expectativa bastante grande com o que pode acontecer com a criptomoeda.

Panorama geral do criptomercado

Como o Bitcoin é o principal ativo do criptomercado, com uma dominância de cerca de 70%, as outras criptomoedas menores tendem a ser influenciadas negativamente quanto ele cai. Assim sendo, neste domingo a grande maioria das moedas digitais está em baixa. Caso as previsões de alta do BTC se concretizem para as próximas semanas, é esperado que haja um grande impulso de valorização de todas os demais ativos digitais.

Fonte: Bitcoin Exchange Guide.

Clique aqui para ler: Bitcoin: Ucrânia pretende legalizar oficialmente as criptomoedas

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais: