Plataformas do Bitcoin Banco são invadidas por hacker

0 Comentários

A história do Bitcoin Banco é uma daquelas que nunca para de ter novas reviravoltas. Dessa vez, as plataformas Zater Capital e Negocie Coins foram hackeadas durante a manhã desta quinta-feira. Além da possibilidade de vazamento de documentos e dados dos clientes de ambas as plataformas, o hacker também deixou um recado na página principal da plataforma para o presidente do Banco.

A Zater Capital é uma plataforma de negociação P2P que foi anunciada ainda em janeiro. Ela é o produto mais novo do Grupo Bitcoin Banco, que a menos de uma semana anunciou que estará voltando à ativa, após ter bloqueado o saque de milhares de clientes e ter dado um prejuízo de milhões.

No site da NegocieCoins o hacker publicou uma longa mensagem pedindo para que o GBB pare de estragar a imagem do Bitcoin com as suas fraudes, fazendo alusão ao suposto golpe aplicado pelo GBB aos seus muitos clientes. A mensagem também pede que Claudio devolva o dinheiro dos clientes, que estão bloqueados desde maio de 2019.

 

Comprar Ethereum no Brasil – Método Fácil

 

Confira a mensagem deixada na íntegra:

NegocieCoin Hackeada!

Parem de roubar o povo e estragar o nome do bitcoin com suas fraudes! Devolvam o dinheiro do povo! O lugar de Cláudio Oliveira é na prisão! A Segurança de vocês é praticamente zero. Abaixo está vazado o código fonte do site, documentos de KYC, e o banco de dados com dados sigilosos. Aos burros que ainda registram nessa porcaria depois de terem roubado bitcoins de todo mundo com aquela suposta “falha de segurança”, tome vergonha na cara! Existem dezenas de exchanges que não são pura fraude com volume fake! O site está completamente insolvente, a carteira deles tem 0 BTC! Vocês nunca mais vão receber seu dinheiro! O GBB está morto. Não pagou os servidores, os funcionários, advogados, nem ao menos a conta de luz e o aluguel, enquanto. Sr. Claudio está nadando nos seus milhões. E a justiça, que faça alguma coisa! O GBB está abrindo mais e mais empresas pra furar bloqueios judiciais e ocultar bens! Não deve ser feita uma recuperação judicial e sim a prisão de toda equipe do GBB1 Esse vazamento é a facada final pra matar de vez o GBB. Adeus!

Claro que essa não é uma notícia nada boa para o Grupo Bitcoin Banco, já que isso coloca em xeque a sua alegação de que as novas plataformas eram seguras. O GBB alega que foi justamente um ataque hacker que criou toda a situação de insolvência da plataforma.

Já o Grupo Bitcoin Banco respondeu às alegações do hacker dizendo que não confirma nenhum dos dados vazados e que as plataformas não possuem nenhuma negociação ativa, por isso o risco não é tão grande.

Veja também: Com foco na América Latina, Binance contrata ex-consultor jurídico da J.P. Morgan Chase

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.