HomeNovo recurso de carteira de hardware impedirá Dusting Attacks de Bitcoin

Novo recurso de carteira de hardware impedirá Dusting Attacks de Bitcoin

setembro 18, 2020 By Sam Grant

Ledger, fabricante do Nano S e do Nano X, anunciou recentemente uma atualização em seu suite software que oferecerá melhor privacidade e controle sobre as transações de moeda virtual

O novo recurso, Coin Control (controle de moeda), foi projetado para ajudar a prevenir os chamados Dusting Attacks. Quando falamos de ‘Dusting Attacks’, referimo-nos à atividade ilegal em que um indivíduo envia pequenas quantidades de Bitcoin para uma carteira, para violar a privacidade do usuário por meio de ataques avançados.

De acordo com o anúncio, o recurso oferecerá aos usuários a possibilidade de alterar as configurações das transações, para obter mais privacidade ou para otimizar o uso das tarifas. O fabricante de carteiras explicou que o Coin Control usa a capacidade de gerenciar carteiras determinísticas hierárquicas ou vários endereços Bitcoin diferentes.

Os usuários poderão escolher os endereços que desejam usar para as transferências. Anteriormente, era usada a abordagem padrão First-in, First-out, para usar automaticamente o endereço mais antigo.

Esse novo método é crítico, pois impedirá que terceiros rastreiem as transações por meio de pequenas quantidades de BTC, que normalmente valem menos do que as taxas de transação. O “pó” (Dust) pode ser usado para rastrear um detentor de bitcoin, pois essas pequenas saídas de transações não gastas (UTXOs) podem se acumular. O dusting attack mais recente e significativo ocorreu a usuários de Litecoin em agosto do ano passado.

Ledger agora oferece aos usuários a opção de não usar este pequeno UTXO por meio do recurso de verificação de moedas. A empresa acrescentou: “Como tal, eles não podem rastrear nenhum movimento. Resumindo: isso pode mudar as regras do jogo quando se trata de sua privacidade.

A nova versão 2.11.1 do Ledger Live, lançada em 15 de setembro, inclui a função Coin Control e algumas outras atualizações.

Alguns dos outros recursos, que estarão presentes na atualização do software, também incluem uma otimização da estrutura de taxas de rede para economizar dinheiro. Isso será alcançado permitindo que os usuários selecionem UTXO, que têm um valor mais alto, reduzindo assim o tamanho do byte da transação.

Mesmo os usuários que preferem manter os pagamentos separados irão apreciar a atualização, pois oferece a capacidade de designar endereços específicos para certas transferências.