Mineradora de Bitcoin ‘BTCS’ anuncia novo acordo de fusão

0 Comentários

A mineradora de Bitcoin BTCS está se movendo em direção a uma nova fusão.

Novos registros na Securities and Exchange Commission (SEC) dos EUA mostram que a BTCS assinou um contrato de intenção vinculativa com a Blockchain Global Limited. De acordo com os arquivos, diz ser uma mineradora de Bitcoin de fora da China que também administra uma exchange australiana de Bitcoins chamada AXC.io.

A empresa também investe em outras empresas no espaço Bitcoin e Blockchain, talvez mais notavelmente a DigitalX. Negociado publicamente, desde início deste ano, a Blockchain Global, investiu principalmente na DigitalX através de um empréstimo de Bitcoin.

Esta é a segunda tentativa de fusão da BTCS, que já tinha tentado uma fusão com a mineradora de Bitcoin Spondoolies-Tech em 2015. No entanto, apesar de ter sido liberado por um regulador-chave em Israel, onde a Spondoolies tem sua base, o acordo acabou ficando de lado depois que um tribunal israelense acabou com as chances de um acordo por alegar problemas financeiros em uma das empresas.

A BTCS melhorou sua condição financeira, arrecadando US $ 1 milhão no início deste ano. Problemas à parte, representantes do BTCS e da Blockchain Global obtiveram notas positivas em declarações anunciando o acordo.

“O espaço de blocos continua a sofrer com a falta de talentos. Juntamente com o BCG e seus histórico de sucesso, estamos nos posicionando para preencher essa falta, aproveitando a imensa oportunidade nas tecnologias Blockchain e aproveitando nossa vantagem inicial”, Disse Charles Allen, CEO da BTCS, sobre a fusão planejada.

 

Via: Coindesk.com

Tradução: Guia do Bitcoin

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.