HomeFormado em Harvard e Princeton? A desinformação sobre o Professor da DD Corporation

Formado em Harvard e Princeton? A desinformação sobre o Professor da DD Corporation

dezembro 1, 2019 By Diego Marques

palestra dd corporation

A DD Corporation, antiga Dreams Digger é uma empresa proeminente dentro do mercado brasileiro de criptomoeda. Não por causa de feitos impressionantes, mas na verdade por que ela está ganhando cada vez mais clientes para a sua plataforma “educacional” vendendo cursos sobre criptomoedas.

Outro grande ponto de destaque da DD, é que ela já foi acusada de ser uma pirâmide por vários portais. A resposta para essas acusações por parte dos investidores é sempre a mesma, defendendo a DD com unhas e dentes, garantindo que a empresa é, na verdade, seríssima.

Mas tudo bem, afinal, é difícil explicar para os investidores piramideiro que a DD pode ser uma pirâmide, eles não enxergam que a empresa age semelhantemente a 99% a pirâmides.

A DD se vende como uma empresa de “educação”, que leva aos seus alunos materiais para aprender sobre o criptomercado e como lucrar dentro desse mercado. Isso não é problema algum, afinal, vender educação é uma estrutura básica. Só que eles vendem material que pode ser facilmente achado de graça no youtube.

O esquema começa a se revelar pelo fato da DD Corporation também disponibilizar um robô de arbitragem para que os “alunos” possam investir e aumentar o seu capital com a arbitragem automática.

Tudo isso enquanto engloba os clássicos das pirâmides financeiras, como plano de carreira para quem ganha mais pontos em sua rede e tudo mais.

Enquanto esse é um sistema também adotado pelos (poucos) marketing multinível que deram certo, é o principal sistema de grandes furadas como a Telexfree, a recém caída Unick forex e Atlas Quantum.

As alegações contra a DD corporation são muitas. Até mesmo a CVM disse que há indícios de pirâmide e golpe na DD.

De acordo com a Gerência de Orientação aos Investidores (GOI2), foi aberto um Processo Administrativo, SEI nº 19957.004826/2019-95.

A CVM destaca que informou o Ministério Público (MP) sobre as atividades e alertou que a empresa não tem autorização do órgão para atuar na oferta de investimentos no Brasil.

“Numa análise preliminar, há indícios de que DREAMS DIGGER seja uma fraude. Recomendamos muita cautela”, diz a CVM ressaltando que se forem encontradas irregularidades se pronunciará em seu portal oficial.

O site Behind MLM também acredita que a plataforma é um esquema de ponzi, sem nenhuma prova realde arbitragem.

Com isso tudo dito, é importante a gente falar também da outra parte da plataforma. A parte que fala sobre educação.

Plataforma de estudo DD Education

Ao contrário de outras plataformas como a Unick ou a Midas Trend, em que é difícil saber o que eles tanto ensinam, a Dreams Digger tem o mérito de disponibilizar mediante pagamento diversos vídeos de cursos com conteúdos que podem ser assitidos de graça no Youtube

A plataforma de estudos da DD traz uma série de conceitos e aulas que podem introduzir ao mercado dos ativos digitais, com cursos bem básicos e até treinamentos com gráficos.

Mas algo chama a atenção na plataforma, a presença do Professor Thiago Avancinni. Thiago é frequentemente mencionado em publicações da DD para trazer mais credibilidade a todo o projeto.

dois homens pousando para foto

Entre os fatos sobre o professor, dois chamam bastante atenção. O primeiro é que ele é formado em Harvard em Economia e que ele é formado na “1ª Universisade de Princeton em Criptomoedas”.

Um currículo de bastante responsabilidade. Afinal, essas são duas das maiores faculdades do mundo. Mas até onde vai a veracidade desses fatos?

Formação em Harvard?

Começando pela primeira e mais crítica reivindicação de que Thiago é formado em Harvard. Esse é uma formação que pesa em qualquer currículo. Não é à toa que quem se forma lá, carrega essa informação em primeiro lugar em seu currículo.

E é justamente aí que entramos em um ponto importante sobre a formação de Thiago. Não é possível encontrar o seu currículo em lugar nenhum. Ao pesquisar pelo Currículo Lattes do professor, não encontramos absolutamente nada.

Qualquer pessoa formada em Harvard, ou em qualquer faculdade brasileira, deve ter no mínimo um TCC. Esse TCC pode ser encontrado com certa facilidade na internet.

Caso você tenha feito TCC, pode pesquisar por seu nome no Google que com certeza vai encontrar o documento, além de projetos de pesquisas e qualquer outra informação acadêmica.

Alguém com formação em Harvard com certeza teria algum tipo de documento publicado, em português ou em inglês.

Já em uma pesquisa pelas redes sociais como o Twitter e Facebook, não existem menções nenhuma sobre Harvard. E apesar de ter várias fotos em diferentes países e cidades do mundo, em nenhum momento ele demonstra estar em Cambridge, Massachusetts, onde fica Harvard.

Com certeza nos pelo menos 4 anos de Administração em Harvard renderiam algumas fotos.

Formação em Princeton?

A informação sobre ter se formado em Princeton também aparenta estar errada. Primeiro por que Princeton não é “Única Universidade em Criptomoedas do Mundo”, segundo que a Faculdade oferece apenas um curso online sobre criptomoedas através da plataforma Coursera.

O curso também não tem certificado. É um curso online simples (apesar de muito bom). Já nas redes sociais, Thiago não menciona Princeton em momento nenhum, ele apenas informa que estuda Bitcoin na Universidade de Nicósia.

imagem de perfil do facebook

Sobre a Universidade de Nicósia, assim como Harvard, não há nenhum registro verificável de que ele frequentou a universidade ou que ele ao menos esteve em Chipre, país onde Nicósia é localizada.

A Universidade de Nicósia não tem um curso chamado “Bitcoin”, ela conta com Mestrado em Criptomoedas.

Novamente, se for um mestrado, não tem como um mestrado ser completamente invisível à internet. Sem a publicação de projetos de pesquisas, documentos ou qualquer outro tipo de dado verificável.

O caso das redes sociais de Thiago Avancinni da DDCorporation

Enquanto buscávamos quaisquer confirmações de que alguma das reivindicações sobre a formação de Thiago é verdade, um fato chamou bastante atenção sobre as suas redes sociais do Facebook e Twitter.

Tanto no Twitter:

imagem de um twitter

Quanto no Facebook:

imagem de post no facebook

Ele se declara professor. No Facebook ele diz que é/foi professor no Centro Universitário Dom Pedro II. Uma pesquisa pelas grades dos cursos da unidade não mostra o nome de Thiago.

Já no Twitter, a única informação sobre aulas que ele administrou é sobre um curso de Curso de Gestão e Qualidade em Atendimento com Foco em Salões de Beleza, lá em 2015.

Mas algo chama um pouco mais de atenção. Tanto o Facebook quanto o Twitter parecem estar desativados, sem publicações há alguns meses, a rede social que mais tem atividade recente (e com vários comentários de Bots) é o Instagram.

Diferente do Facebook e o Twitter, onde Thiago tem fotos sobre seu envolvimento com a empresa “Your Cosméticos”, no Instagram o perfil é única e exclusivamente dedicado às suas atividades com o criptomercado.

Na rede social ele diz ser Mestre em Administração, mas como já falamos durante o texto, Thiago completou o seu mestrado, mas não há nenhum registro na internet e nenhum projeto de pesquisa ou TCC publicado.

Enquanto não existe nenhuma informação que desminta uma formação em Harvard, a falta de qualquer prova de que Thiago é, ao menos, mestrado, também deve ser considerada.

No mais, vale lembrar que nenhuma empresa de marketing multinível e Criptomoedas se provou verdadeira. Mesmo com os fervorosos defensores, a DD não demonstra nenhum sinal de veracidade.

Lembre-se que há alguns meses, a Unick Forex era defendida com unhas e dentes. Assim como a Miner World, o mesmo com a Bitconnect e todas as outras que antecederam essas.

Clique aqui para ler: DD corporation: Mais uma pirâmide pronta para quebrar?

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Tags: