HomeCryptopia anuncia que voltará a funcionar, mas apenas em “modo leitura”

Cryptopia anuncia que voltará a funcionar, mas apenas em “modo leitura”

fevereiro 28, 2019 By Matheus Henrique

Seguindo uma série de atualizações nas redes sociais, a exchange Cryptopia anunciou que tem planos de voltar as suas atividades, inicialmente apenas como uma “versão de leitura”. Segundo um tuíte da empresa, a exchange vai voltar a funcionar no dia 4 de março, quase três meses depois de ter sido hackeada.

https://twitter.com/Cryptopia_NZ/status/1100964778116210690

“Atualização: Nós estamos planejando a volta do Cryptopia em modo de leitura na próxima segunda feira”.

A atualização foi feita na noite do dia 27 de fevereiro e veio depois de uma série de atualizações que sugeriam que uma reinauguração estava prestes a acontecer. Como a reinauguração é apenas em “modo de leitura”, isso quer dizer que os usuários poderão ver a situação de suas moedas, como as transações e o saldo, mas não podem “tocar” nos ativos, nem para saque e nem para a transferência.

Cerca de 10% dos valores da exchange, ou cerca de $23 milhões em criptomoedas, foram supostamente roubados durante o ataque.

Muitos suspeitaram de que o ataque foi na verdade um exit scam. Centenas de carteiras privadas foram comprometidas durante o ataque, algo que é bem difícil de ser feito em um simples hack e a empresa de análise Elementus, concluiu que a única outra explicação é que a exchange tinha perdido controle do número de carteiras que possuía.

Porém, a polícia da Nova Zelândia, país onde a exchange tem sede, aparentemente descobriu que a corretora não teve culpa no ataque e a investigação até permitiu que ela voltasse a atuar. De acordo com a polícia, a Cryptopia está com controle total de suas carteiras novamente.

Para os usuários que perderam dinheiro no ataque, a reabertura provavelmente será um momento amargo, mas ainda assim de alívio. Até agora não tinha como os usuários saberem se suas criptomoedas tinham sido afetadas, agora eles vão poder saber o que aconteceu, mesmo que isso signifique ter a certeza de que perderam todos seus valores.

Veja também: Analista diz que criptomoedas são “potencialmente prejudiciais” para sistemas como Visa, Mastercard e PayPal