HomeNova ferramenta do CoinMarketCap combate volumes falsos

Nova ferramenta do CoinMarketCap combate volumes falsos

novembro 13, 2019 By Matheus Henrique

O CoinMarketCap é o maior agregador de dados sobre o criptomercado da internet. Ele é usado por muitos portais e até especialistas como uma fonte de pesquisa para informações. Porém, de um tempo para cá, há uma recomendação de evitar o serviço para ter base no volume dos criptoativos em exchanges.

Existem até uma série de alternativas ao uso do CoinMarketCap, para melhores informações sobre volume.

Felizmente, o site está ciente dos seus problemas com volumes falsos e está se esforçando par a trazer mais veracidade, transparência e menos manipulação ao setor.

O CoinMarketCap está se preparando para lançar uma nova ferramenta chamada Liquidity, que se concentrará em combater os volumes de negociação falsos no espaço de criptomoedas.

Com a nova metodologia de classificação em vigor, o CoinMarketCap diz que os criptoativos terão uma representação mais justa no ranking quando comparados em dentro de todo o criptomercao. Ao testar o novo sistema, o ranking de algumas moedas caiu significativamente, não atendendo aos critérios para ocupar as posições que antes demonstravam.

Em seu novo sistema, o CoinMarketCap considera problemas que não foram levados em consideração inicialmente. Na postagem do blog da semana passada, o CoinMarketCap disse:

“Essa nova mudança que anunciaremos na próxima segunda-feira fixará e otimizará as classificações, para que todos os criptoativos sejam representados de maneira justa nas classificações. Isso continuará a ser congruente com a metodologia publicada anteriormente.”

Confira o preço do Bitcoin Hoje!

No comunicado, o CoinMarketCap também observou que o novo sistema para avaliação de liquidez das plataformas de negociação de criptomoedas entraria em operação no dia 12 de novembro (terça-feira).

As plataformas terão a liberdade de escolher os dados que desejam enviar ao CoinMarket. No entanto, suas classificações variam com base na quantidade e transparência dos dados fornecidos. Na postagem do blog, CoinMarketCap escreveu:

“Por fim, essa métrica de liquidez será fatorada em pares de mercado e será combinada com outras métricas que entrarão no ranking de trocas e projetos. Continuaremos refinando isso com base no feedback e também recebemos mais dos seus pensamentos.”

Como existem mais de quatro mil ativos digitais listados na plataforma, a transparência pode ficar um pouco nublada e a empresa está ciente disso. Portanto, conforme CCN, a liquidez leva em consideração as alterações de profundidade da carteira de pedidos e a distância do preço médio.

Carylyne Chan, diretora de estratégia da CoinMarketCap disse:

“Acreditamos que nossa metodologia adaptativa tornará nossa métrica muito difícil de ‘manipular’, pois os pedidos precisariam ser colocados perto do preço médio ou correm o risco de ser contraproducentes à pontuação da métrica Liquidez.”

Veja também: Binance faz parceria para lançar smartphone integrado a BNB

Tags: