HomeBitcoin: Saiba por que preço pode subir mais de 150% em 2 meses

Bitcoin: Saiba por que preço pode subir mais de 150% em 2 meses

fevereiro 18, 2020 By Diego Marques

 

criptotraders numa mesa olhando gráficos

Depois de alguns meses sem dar sinal, uma rara indicação de alta apareceu esta semana. A Cruz de Ouro, é uma ocorrência que aconteceu mesmo com a queda do preço do Bitcoin, indo dos  $10.500 para os $ 9.700. A cruz de ouro historicamente, é uma clara indicação de alta e no passado gerou uma valorização no preço do BTC no médio prazo.

A atual cruz de ouro

O preço do Bitcoin passou por período de baixa nos últimos dias. Depois de ter atingido os  $ 10.500, o preço caiu forte, desvalorizando quase US$ 1.000 nos últimos dias. Atualmente o BTC mostra uma leve recuperação e é negociado em cerca de $ 9.750.

Mas mesmo com a forte baixa, uma rara indicação de alta surgiu no gráfico de preço do Bitcoin. A média móvel de 50 dias do Bitcoin ultrapassou a média móvel de 200 dias. Esse é um acontecimento raro, conhecido como “cruz de ouro”. É um padrão que historicamente mostra bastante otimismo no preço e leva em consideração duas das médias móveis mais usadas. A última vez que isso aconteceu foi em 22 de abril de 2019.

gráfico de preço do bitcoin padrão cruz de ouro

Conforme podemos ver no gráfico acima, em abril do ano passado depois que a Cruz de Ouro surgiu no gráfico, o preço subiu para uma alta anual atingindo chegando perto dos US$ 14.000 em junho, cerca de 60 dias após o surgimento do padrão. Um aumento de quase 165%.

Hoje, o preço do Bitcoin é negociado por US $ 9.700. Se a alta se repetir e o preço novamente tiver uma forte valorização, semelhante ao último aumento de 165%, o BTC pode chegar perto dos US $ 26.000 até o final de abril de 2020. Um fato curioso é que isso pode acontecer dias antes do halving do Bitcoin, que está previsto para acontecer em maio.

Previsão do preço de Bitcoin

Alguns analistas já estão divulgando suas análises sobre o preço do Bitcoin, um deles é Tom Lee, da Fundstrat, que afirmou que o Bitcoin pode chegar nos US$ 27.000 em julho. Sua principal justificativa para essa valorização, é que o preço esta sendo negociado acima da média móvel de 200 dias, o que historicamente indica altas de cerca de 190% nos próximos seis meses. Ele também disse que isso já ocorreu em 80% de situações anteriores.

Outro analista que acredita numa forte valorização do preço do Bitcoin, é Mike Novogratz segundo ele, o Bitcoin é a “melhor marca dos últimos onze anos” e que em 2020 vai atingir o preço recorde de US$ 20.000 mais uma vez. Para ele essa alta do BTC, acontecerá antes do halving do Bitcoin.

Mas, sempre tem um “mas”

Vale destacar que, acontecimentos do passado nunca deve ser usado como um indicador com 100% de certeza para movimentos futuros de preços. É bem verdade que a Cruz de Ouro historicamente indicou forte aumentos a médio e longo prazo, mas também é essencial atentar para “movimentos falsos”.

gráfico de preço do bitcoin

Como podemos ver no gráfico acima, em 2015, surgiram dois padrões Cruz de Ouro. O primeiro, ser mostrou ser um movimento que não se confirmou, e a linha 50MA cruzou temporariamente abaixo do 200MA. Cerca de meses depois, surgiu novamente o o padrão cruz de ouro, e dessa vez aconteceu uma valorização que só acabou quando o preço do BItcoin atingiu os US $20.000 no final de 2017.

Clique aqui para ler: MoneyGram anuncia parceria com a Visa – Ripple ficou de lado?

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais: