Bitcoin a US$9.500, qual o caminho para a criptomoeda agora?

1 Comente

O Bitcoin terminou a semana passada com uma valorização bem acima dos US$10.000, muitos acreditando até mesmo que a moeda não voltaria para a casa dos 4 dígitos mais. Mas sábado o mercado iniciou um movimento de queda que expandiu pelo fim de semana e continua até o momento.

No sábado o preço do Bitcoin saiu de cerca de US$10.400 para US$9.800, no domingo a moeda caiu mais algumas centenas de dólares. A semana também começou no vermelho com o ativo caindo ainda mais. Durante a manhã dessa segunda feira foi quebrado o suporte de US$9.700 e a moeda despencou para a casa dos US$9.500.

Por volta de 10:30 da manhã ela começou a visitar o suporte de US$9.490, sendo segurado pelos compradores diversas vezes, mas ainda se mantendo próximo desse valor. De acordo com dados do CryptoCompare, o BTC estava sendo negociado por volta de US$9.600 no momento da escrita desse artigo.

O índice de “Medo e Ganância” do Bitcoin está em ponto relativamente neutro. Enquanto no final de semana ele estava em “Ganância”, hoje o índice caiu cerca de 10 pontos. Caso o Bitcoin falhe em se manter nos atuais níveis, o índice pode passar a apontar para “Medo”.

Como sempre, determinar para onde o Bitcoin vai é uma tarefa muito complicada e que sempre reserva muitas surpresas. Mas ao analisar o gráfico horário e diário, é possível notar algumas coisas que podem nos dar algum tipo clareza sobre o que está por vir.

 

Como comprar Bitcoin no Brasil | Guia Completo

 

No gráfico diário é possível ver que o preço da maior criptomoeda do mundo caiu para abaixo de US$9.500 por volta das 11:20 antes de começar a se recuperar logo depois. Foi uma visita breve ao nível de suporte e que jogou o preço para cima novamente. Em menos de uma hora a moeda já tinha recuperado mais de US$100 em seu valor.

Já diminuir o período analisado, é possível identificar com mais clareza os pontos de suporte. Na sua aventura abaixo de 9.500 dólares, o Bitcoin foi levantado por três níveis, nos valores de: US$9.485 e US$9.486, mostrando que esse será uma barreira de compra forte para ser superada pelos ursos (ursos são os pessimistas do mercado).

Desde que esses preços atuaram como nível de suporte em um micro período, a moeda não visitou mais valores abaixo de US$9.500, mostrando que, no curto prazo, esse será uma “rede de proteção” do BTC.

Já no outro caminho, a resistência mais imediata é a de US$9.630, que foi visitada duas vezes nos últimos 20 minutos, mas sempre jogando o preço do Bitcoin para Baixo.

Já em um período maior vemos que o BTC está claramente em um movimento de queda que pode continuar para os próximos dias ou então assumir um progresso lateral. Em ambos os casos, pode ser um bom momento para entrar como comprador.

Nota: Esse artigo tem apenas caráter informativo e não deve ser utilizado como conselho de investimento.

Veja também: Bitcoin: Qual é o melhor dia da semana para comprar e vender a criptomoeda?

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.