HomeAnálise pós Hard Fork do Bitcoin Cash: Os 4 principais cenários que podem acontecer

Análise pós Hard Fork do Bitcoin Cash: Os 4 principais cenários que podem acontecer

No dia 15 de novembro exatamente no bloco 556767, a blockchain do Bitcoin Cash foi dividida em duas, Bitcoin ABC e Bitcoin SV. Após a divisão, desenvolvedores dos dois projetos reivindicaram o direito de utilizar o nome de Bitcoin cash/BCH e por enquanto, nenhum consenso foi atingido.

Temos abaixo, a perspectiva de alguns cenários que podem acontecer:

Cenário 1: BCH é aposentado e Bitcoin ABC e Bitcoin SV tornam-se independentes

O Bitcoin ABC e o Bitcoin SV podem tornar-se redes independentes e desenvolver-se sozinhas. Apesar de ser possível, esse cenário é muitíssimo improvável. Grandes empresas do mercado de criptomoedas como BitGo, Kraken, CoinMarketCap e Coinbase já declararam reconhecer o Bitcoin ABC como o verdadeiro Bitcoin Cash. Mas a persistência dos adeptos do Bitcoin SV, como CoinGeek e nChain, garantem que as guerras de hash continuem por muito tempo.

Cenários 2: A HashWar forçará um lado a desistir

As guerras de hash podem terminar se alguém desistir. Ainda assim, não se sabe quem baterá o martelo em favor da rede vencedora e ambos podem tentar produzir “a rede mais longa”. Uma solução seria as exchanges se tornarem árbitros, pois algumas estão prontas para aceitar uma rede e anular a outra.

Não há um prazo estipulado para decidir qual rede será a mais longa, pois mesmo um bloco pode ser suficiente. Os nós, no entanto, não são suficientes para definir o domínio de uma rede na análise final. Com base no white paper do Bitcoin, o princípio de decidir sobre a versão da blockchain envolve tanto os nós quanto os mineradores. Como diz,

“O sistema é seguro, desde que os nós honestos controlem coletivamente mais poder de CPU do que qualquer grupo colaborador de nós atacantes”.

Se os mineradores do Bitcoin ABC moverem seus hashes de volta para uma cadeia mais lucrativa como o Bitcoin, isso abrirá caminho para que os mineradores de SV tentem atacar a rede ABC. Se, em vez disso, os mineradores SV forem minerar Bitcoin, o contrário ocorrerá.

Cenário 3: Alterações na rede

Caso o ataque se prolongue, esse processo se tornará muito caro, salvar a rede Bitcoin ABC pela “brute force mining” mineração de força bruta, pode levar a uma atualização de emergência. Os rumores sobre uma possível mudança na prova de trabalho ( PoW ), em essência, tornando a cadeia independente, podem deixar a versão SV livre para minerar blocos na rede antiga, sem ter como eliminar a versão ABC.

Isso acabaria com a guerra de hash, mas com o custo de perder a segurança fornecida pelos mineradores ASIC. Isso também colocará em risco a confiança de uma rede descentralizada, já que basicamente centraliza a autoridade nas mãos dos desenvolvedores do Bitcoin ABC.

Cenário 4: Atacar uns aos outros

Se nenhum dos lados ceder às guerras hash, um lado tem a possibilidade de atacar o outro.

Há duas maneiras pelas quais os adeptos do Bitcoin ABC podem iniciar ataques; forçando uma venda de moeda SV e iniciando um ataque de 51% no SV. Jihan Wu, que é o fundador da Bitmain e que também se tornou um grande defensor do Bitcoin ABC, diz que ele pode começar a vender suas moedas SV.

Embora o cenário para o SV seja muito diferente, eles não parecem ter taxas de hash suficientes para iniciar um ataque. Eles atualmente têm 65% do PoW da rede do Bitcoin ABC e sua taxa de hash é de apenas 67% de seus rivais. O Bitcoin SV também representa uma ameaça de falta de proteção de replay entre as duas redes.

Quer saber a opinião dos analistas acerca do que eles estão pensando sobre o Bitcoin Cash? Clique aqui!

Etiquetas:

Assine o nosso boletim informativo exclusivo!

E-mails personalizados

Sem SPAM

Notícias sobre alt coins

Cancele a inscrição quando quiser

Após a inscrição, de vez em quando, você também poderá receber nossas ofertas especiais por e-mail. Nunca iremos vender ou distribuir seus dados a terceiros. Consulte a nossa Política de Privacidade aqui.