Fujitsu desenvolve tecnologia de segurança para blockchain

O Laboratories, centro de pesquisa da , e o Fujitsu Laboratories of America anunciam o de tecnologias de segurança de para proteger os dados confidenciais entre várias organizações. As soluções devem ser comercializadas ainda este ano.

Para aprimorar e aplicar o blockchain em diversos segmentos de mercado, a Fujitsu desenvolveu duas tecnologias: a primeira é uma tecnologia de restrição de transações baseada em políticas pré-estabelecidas para restringir negociações, bem como usuários. Já a segunda tecnologia é a de criptografia de documentos, que permite o uso de apenas partes relevantes — que detêm múltiplas chaves distribuídas — para acessar com segurança as gravadas no blockchain.

A característica mais relevante do blockchain é fornecer compartilhamento de informações com alta transparência e confiabilidade, sem gerenciamento por uma organização específica. Contudo, em aplicações de trading financeiro, por exemplo, há questões operacionais relacionadas à execução segura de negócios, como gerenciamento de chaves. Além disso, as aplicações de gerenciamento de documentos que preservam o estado original dos materiais levam alguns problemas na criação de um , o que poderia limitar quais pessoas seriam autorizadas a fazer referência às informações gravadas no blockchain.

Leia também  Banco Central dos Emirados Árabes: "Nós não estamos proibindo o Bitcoin e Criptomoedas"

Com a nova tecnologia de restrição de transações, as operações que impedem o uso indevido ou o abuso de chaves tornam-se possíveis, permitindo o uso mais seguro do blockchain, afirma a empresa. Já com a tecnologia de criptografia de documentos, é possível criar um fluxo de trabalho em que os documentos são reconhecidos pela tomada de decisão coletiva ou entre organizações especificadas, ou ainda, em situações onde os documentos podem ser restaurados quando as chaves são perdidas.

A partir dessas novas tecnologias de segurança, a Fujitsu diz que poderá contribuir com a expansão de campos aplicáveis onde blockchain pode ser usado, o que inclui diversas áreas, como finanças, logística, supply chain e gerenciamento de documentos oficiais. O Fujitsu Laboratories está realizando testes sobre a aplicabilidade do blockchain com o objetivo de comercializar as tecnologias a partir do ano fiscal de 2017.

Leia também  Banco Central Europeu quer regulamentar criptomoedas e acabar com anonimato do Bitcoin

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *