Complementando aquele velho ditado: “Tudo na vida é passageiro, mas as criptomoedas vieram pra ficar”

Breve história do dinheiro

O dinheiro antes que fosse transformado em moedas e notas bancarias, era apenas algo de valor que poderia ser negociado por mercadorias: peles, ferramentas, alimentos, pedras preciosas, etc. Neste sistema, o valor real do produto era acordado pelo comprador e pelo vendedor. Quanto mais apreciado o item que estivesse sendo negociado, era mais fácil aceitar, acumular e usá-lo. Durante os anos, por vários aspectos históricos, econômicos e razões sociais, certos métodos de pagamento ficaram mais populares enquanto outros caíram no desuso.

O dinheiro como o conhecemos surgiu há vários milênios atrás, afim de adicionar um nível de objetividade e simplificar os cálculos na taxa de câmbio. Quantas galinhas vale? Por quantos ovos de galinha você troca um arado? Essas respostas são subjetivas, o que complica a negociação com preços difíceis de prever. O dinheiro assumiu o papel de um meio de pagamento universal. Inicialmente, o dinheiro teve grande aceitação por conta da segurança, mas todo o dinheiro no mundo de hoje é simbólico e seu valor é com base na confiança de quem o emitiu. E onde quer que a confiança esteja envolvida, ela pode ser perdida.

>> Invista na ICO da Crypterium agora. Clique aqui

Para que o dinheiro seja considerado “legal”, ele deve atender a certos critérios, a maioria dos quais são quase impossível para um consumidor médio analisar. A história e a estrutura do dinheiro tem sido amplamente estudado, e muitos trabalhos científicos não abordam uma questões-chave: O emitente do dinheiro. Quem deve ser autorizado a emiti-lo? A posição de um emitente afeta o valor do dinheiro e, em caso afirmativo, esse papel deve ser delegado a uma autoridade central? No modelo tradicional de dinheiro, o emissor central é um requisito obrigatório. No mundo de hoje, esta função é atribuída aos Bancos Centrais, que emitem o dinheiro, que é então armazenado pelos bancos para ser distribuído para a população. Este modelo é problemático – para que ele funcione corretamente, os bancos devem ser confiáveis, e isso não pode ser garantido, pois depende de muitos fatores.

Leia também  Por que as moedas eletrônicas de todos os bancos centrais falharão horrivelmente

O rápido desenvolvimento tecnológico trouxe consigo uma solução para muitas das questões acerca do dinheiro tradicional, ou seja, o controle da oferta monetária. Nas palavras de Albert Gore, ex vice-presidente dos EUA, Vencedor do Prêmio Nobel da Paz:

“Sou um grande fã do Bitcoin […] A regulamentação da oferta monetária precisa ser despolitizada”.

O surgimento da tecnologia quase 10 anos atrás abriu caminho para exatamente isso – o nascimento da próxima geração de dinheiro chamado criptomoedas. O primeiro dinheiro digital foi emitido no início dos anos 80, as criptomoedas baseadas na trouxeram uma diferença radical, 100% de , característica chave da blockchain. Com as criptomoedas, o emitente não desempenha nenhum papel “principal”, as criptomoedas são uma rede de auto-ação, com seus dados distribuídos entre todos participantes da rede. Todas as transações são implementadas peer-to-peer, sem intermediários. E é por isso que as criptomoedas estão rapidamente assumindo o controle do mundo.

>> Invista na ICO da Crypterium agora. Clique aqui

Vantagens das criptomoedas

As criptomoedas oferecem aos consumidores múltiplas vantagens não encontradas no dinheiro fiat. Começando com, são livres de limites territoriais. Todas as criptomoedas existentes podem ser usadas em qualquer lugar do mundo. Por causa de sua inerente
descentralização, elas não podem ser restringidas. Esta nova economia é independente de qualquer país e seu governo. Os usuários têm controle total sobre o valor e uso de suas criptomoedas, o que significa que os consumidores não dependem de Bancos Centrais ou instituições de crédito. As criptomoedas podem ser compradas e vendidas tanto para moedas fiat quanto por criptomoedas.

Criptomoedas como bitcoin e a maioria das altcoins são emitidas via algoritmos de predeterminados, publicamente disponíveis, que por seu próprio design não podem ser adulterada, mesmo pelos próprios desenvolvedores dos algoritmos. Eles não seriam capazes de acelerar a emissão de novas moedas, o que significa que as regras do jogo são as mesmas para todos os jogadores. Também é predeterminado pelos algoritmos de o limite superior do
número de moedas que podem ser extraídas – para bitcoin, são 21 milhões, dos quais mais de 15 milhões já foi extraído. Isso torna as criptomoedas o “dinheiro ideal”. Porque é uma mercadoria finita, o valor da criptomoeda é imune a um “colapso” financeiro.
Embora as de criptomoedas, de forma similar às moedas fiat, estejam sujeitas a volatilidade associada com oferta e demanda nas exchanges, as vantagens acima servem para garantir o crescimento constante a médio e longo prazos. Uma taxa de crescimento de uma certa criptomoeda é determinada pelo número de seus “donos”: quanto mais popular for, maior será a valorização. Isso, por sua vez, significa que quanto mais comerciantes estiverem dispostos a aceitar as criptomoedas como forma de pagamento, mais usuários estarão interessados ​​em comprá-lo.

Leia também  Contração do limite total do mercado das criptomoedas pode ser inevitável

>> Invista na ICO da Crypterium agora. Clique aqui

Os algoritmos de mineração de criptomoedas são projetados para diminuir a produção à medida que as chamadas “dificuldades de mineração aumentam”. À medida que a eficiência e a rentabilidade da mineração caem, os usuários são obrigados a recorrer a outras formas de aquisição da criptomoeda, ou seja, comprar, o que aumenta ainda mais seu valor. As criptomoedas também permitem rastrear anonimamente todas as transações, isso garante um alto nível de confiança e uma melhor proteção contra roubo, perda e , pois todas as operações podem ser verificadas independentemente. Embora a identidade dos usuários seja desconhecida, os endereços da carteira são visíveis, e com a solicitação do dono da carteira as criptomoedas podem ser transferidas.

Não há limites nos valores para as transações de criptomoedas, os usuários são livres para decidir como e onde gastar seu dinheiro. As transações ocorrem em tempo real, com total certeza de que os fundos atingiram o destinatário desejado.
Estas são apenas algumas das principais vantagens oferecidas pelas criptomoedas.

Hoje está se tornando cada vez mais óbvio que as criptomoedas  são o caminho para o futuro. Elas oferecem oportunidades de investimento incomparáveis ​​e permitem modelos de negócios totalmente novos, tais como as ICOs. As criptomoedas ainda estão em sua infância. Mas seu uso está se espalhando e cada vez mais as empresas estão abertas a aceitar pagamentos por seus produtos e serviços em criptomoedas,
e cada vez mais pessoas estão recebendo seus salários em bitcoin. Isso significa que
as criptomoedas  estão se tornando uma realidade diária para uma população cada vez maior.

Leia também  Hackers estão usando servidores desatualizados da Microsoft para minerar Monero

O mercado de criptomoedas continuará a crescer, e esse progresso é imparável, pode apostar 100 bitcoins que a das criptomoedas em 2018 será maior que a de 2017. A única variável será o ritmo do seu crescimento. O século 20 passou por uma mudança radical em quase todos os aspectos da vida diária das pessoas, então podemos esperar que, no século XXI, estaremos dando adeus ao dinheiro fiat moralmente ultrapassado. A transição para as criptomoedas é a progressão lógica e natural na continuidade da vida digitalizada da humanidade. As as prioridades mudam, e com elas vem novas necessidades. As criptomoedas se encaixam nas realidades infinitamente mais sofisticadas de nossos tempos.

> Invista na ICO da Crypterium agora. Clique aqui

Guia do Bitcoin

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin!
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

Bitcoins no seu e-mail

Digite o seu e-mail

Junte-se a 24.547 outros assinantes

Atenção: O Guia do Bitcoin não endossa e não é responsável por qualquer conteúdo, precisão, qualidade, publicidade, produtos ou outros materiais presentes nesta página. Os leitores devem fazer sua própria pesquisa antes de tomar quaisquer ações relacionadas à empresa. O Guia do Bitcoin não se responsabiliza, direta ou indiretamente, por quaisquer danos ou perdas causados por ou relacionados com a utilização ou dependência de quaisquer conteúdos, bens ou serviços mencionados nessa postagem.

 

loading...

Bolsa de ações australiana passa a usar blockchain para liquidar negócios

A principal bolsa de ações da Austrália disse que se tornará o primeiro mercado global a usar a tecnologia por trás do bitcoin para limpar e liquidar negócios. A Australian Securities…

0 Comentários

Coreia do Norte é acusada de hackear exchanges da Coreia do Sul

A Coreia do Norte, uma nação que já foi acusada de violar sanções, é suspeita de ter pirateado uma série de exchanges de bitcoins na Coreia do Sul. O país…

0 Comentários