Circle deixa de ser controladora da Poloniex

0 Comentários

Em fevereiro de 2018, muitos osbservadores do criptomercado acabaram se surpreendendo com a decisão da Circle, uma gigante do ramo de investimento, de comprar a exchange de criptomoedas Poloniex.

Além de ser uma empresa tradicional dentro do mercado financeiro, a Circle é comandada por alguns dos maiores nomes dentro do setor, como o Banco Goldman Sachs.

Porém o período de propriedade não durou muito mais do que um ano. Nesta sexta-feira, dia 18, a Circle revelou que não será mais um investidor controlador da Poloniex. Sendo assim a corretora de criptomoedas volta a ser uma empresa independente.

Quando a Polinex foi comprada, ela não tinha a melhor das reputações, sendo reconhecida por ter um péssimo atendimento ao cliente, além de práticas comerciais consideradas de mau gosto por muitos membros da comunidade.

Sob a administração da Circle, a Poloniex recuperou parte da sua reputação, tendo mais confiança dos investidores. Porém, a corretora nunca foi capaz de desempenhar nenhum papel importante dentro da indústria de criptomoedas, sendo ofuscada por outros grandes nomes, como a Binance.

Como comprar Litecoin no Brasil

 

Agora parece que a situação mudará mais uma vez. A Poloniex agora vai sair da administração da Circle, porém ela não voltará a ser a mesma companhia que era antes da compra. A corretora vai assumir o nome Polo Digital Assets Ltd e aparentemente ganhou o apoio de um grupo de investimentos asiático que não foi divulgado.

A administração de uma exchange de criptomoedas requer quantias significativas de fundos, portanto, ter o apoio de investidores não é uma coisa ruim. De fato, essa pode ser uma nova oportunidade para a plataforma de negociação. Algo importante, principalmente com a necessidade de mais concorrência no espaço das criptomoedas.

Resta saber como todas essas mudanças afetarão o Poloniex como um todo.

Em seu blog, a empresa afirma que essa expansão é uma coisa boa, pois permitirá que eles “se concentrem na necessidade dos traders globais com novos recursos, ativos e serviços”

A primeira mudança “notável” a chegar à plataforma é a remoção das taxas de negociação à vista até o final de 2019.

Os cidadãos dos EUA não podem mais se inscrever na plataforma de negociação. A negociação será interrompida a partir de 1º de novembro. Os saques de ativos permanecerão acessíveis até 15 de dezembro.

Esse último processo será administrado pela própria Circle, garantindo que os investidores não se prejudiquem.

Veja também: Qtum ativa nova hard fork para aprimorar sua blockchain

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.