Bitfinex: Nunca iremos negociar a criptomoeda venezuelana Petro

0 Comentários

A afirma claramente que não quer contrariar as proibições feitas pelos .

Esta é uma declaração que apareceu no blog da Bitfinex hoje:

 Taiwan, 27 de março de 2018 – O venezuelano lançou recentemente o símbolo (“PTR”), que afirma ser uma criptomoeda apoiada pelo petróleo. Nós vemos que o PTR tem uma utilidade limitada. Além disso, pode ser interpretado como uma tentativa de contornar as sanções legítimas contra esse por parte dos Estados Unidos. Em 19 de março de 2018, os Estados Unidos proibiu todos os cidadãos norte-americanos de todas as transações relacionadas ao Governo da , incluindo, entre outros, o Banco Central da , a companhia petrolífera estatal (PDVSA) e qualquer entidade que seja detida, controlada ou que atue em nome do governo. Isso inclui o PTR, mas pode incluir outros tokens quando ocorrerem no futuro.

Nunca tivemos planos de incluir o PTR ou tokens semelhantes na plataforma de negociação . À luz das sanções dos EUA e outros riscos de sanções claras para operar com esses produtos, a não listará nem realizará transações com o PTR ou em outros tokens digitais semelhantes. Essa restrição se estende a todos os clientes da plataforma, incluindo pessoas nos EUA e todas as atividades da Bitfinex, incluindo depósitos, financiamentos, operações de negócios e retiradas.

Além disso, todos os contratados e funcionários da Bitfinex, onde quer que estejam, estão proibidos de realizar transações com PTR ou outros tokens digitais, conforme especificado acima, com efeito imediato.

Guia do Bitcoin

Leia também  Ethereum pode disparar! Ex-estrategista-chefe do JP Morgan acredita em alta

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin!
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: https://guiadobitcoin.com.br/feed/

[jetpack_subscription_form title=”Bitcoins no seu e-mail” subscribe_text=”Digite o seu e-mail” subscribe_button=”Quero receber” show_subscribers_total=”1″]