A Rússia encontrou o melhor lugar para mineradores de criptomoedas

A Associação Russa de Blockchain e Criptomoedas conduziu um estudo para determinar a melhor localização para a mineração de criptomoedas no país. A melhor região encontrada é um importante centro de transporte e distribuição, bem como um movimentado centro transicional e com eletricidade barata. E além de tudo isso, a região ainda não é explorada por mineradores.

A Associação Russa de Blockchain e Criptomoedas (RACIB) realizou um estudo sobre a atratividade das regiões russas para a mineração de criptomoedas, informou a mídia local na segunda-feira. Esta associação foi formada para unir os participantes da blockchain, bem como os proprietários, mineradores e investidores de criptomoedas e ofertas iniciais de moedas (ICOs). Sua formação foi anunciada em agosto pelo conselheiro de questões da internet do presidente Vladimir Putin, Herman Klimenko. O presidente da associação, Yuri Pripachkin, disse que:

“A associação comparou as regiões por parâmetros como o custo da eletricidade, a disponibilidade de reservas livres, a acessibilidade logística e o desenvolvimento da infra-estrutura de telecomunicações.”

De acordo com suas descobertas, o território de Krasnoyarsk é o melhor no geral. Krasnoyarsk é o maior território da Federação Russa. Sua área é de 2.339.700 quilômetros quadrados. Seu centro administrativo é a cidade de Krasnoyarsk , a terceira maior cidade da Sibéria, com uma população de cerca de 1 milhão habitantes.

Leia também  Bitstamp inicia a negociação de Litecoin enquanto preço da moeda sobe

“O custo da eletricidade nesta região é de 2,41 rublos por kW/ h”, que vale cerca de R$0,12. Embora esta região tenha o melhor resultado no geral, ela não conquistou o primeiro lugar entre as regiões com energia mais barata. Dois locais próximas possuem eletricidade ainda mais em conta:  Khakassia (2.01 rublos) e Irkutsk (2.14 rublos).

Em termos de recursos de logística e telecomunicações, três cidades no Território de Krasnoyarsk ficaram entre as melhores: Krasnoyarsk, Divnogorsk e Zheleznogorsk. Além disso, a água do rio Yenisei pode ser usada como refrigeração para os galpões de mineração.

Pripachkin explicou que as reservas de energia do território de Krasnoyarsk são cerca de 9 mil MW. Citando que a região também é um importante centro de transporte e distribuição, bem como um centro transicional para o Distrito Federal da Sibéria, ele concluiu:

“Apesar das condições favoráveis, quase ninguém está envolvido em mineração no território de Krasnoyarsk. As principais fazendas da Rússia estão localizadas em Moscou, Leningrado, Novosibirsk, Irkutsk, Sverdlovsk, Tomsk, Chelyabinsk e Tatarstan.”

Outros locais com condições de mineração favoráveis, de acordo com a pesquisa da RACIB, incluem as regiões de São Petersburgo e Nizhny Novgorod, Rostov, Samara, Sakhalin, Khanty-Mansiysk autônomo Okrug e Tula.

Leia também  Banco Central Europeu quer regulamentar criptomoedas e acabar com anonimato do Bitcoin

Recentemente, foi noticiado nas principais mídias sobre criptomoeda que o governador da região de Leningrado estava convidando os mineradores de criptomoedas a criar fazendas de mineração em seu novo tecnoparque. Além disso, o RACIB revelou na semana passada que 40 empresas da China e da União Européia solicitaram a criação de equipamentos de mineração para minerar bitcoin na Rússia.

Você acha que as condições do Território de Krasnoyarsk o torna a melhor região do mundo para mineração atualmente? Deixe sua opinião nos comentários abaixo!

_______________________________________________________________________________
Publicação Traduzida e Editada pelo Guia do Bitcoin
Matéria Original: https://news.bitcoin.com/russia-best-locati…

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin!
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

Bitcoins no seu e-mail

Digite o seu e-mail

Junte-se a 21.293 outros assinantes

Leia também  Agora 24 milhões de Australianos já podem pagar suas contas com Bitcoin e Altcoins

loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *