Exchange Kraken inicia oficialmente a negociação da criptomoeda anônima Monero

A de digitais Kraken, abriu hoje oficialmente a negociação para a altcoin Monero (XMR).

A decisão marca a mais recente validação para a orientada para a , que em 2016 atraiu usuários interessados ​​em transações em mercados negros ou que de outra forma desejavam ou acreditavam que poderia haver demanda por moedas digitais com recursos de privacidade adicionados, garantido o total nas transações.

A moeda digital tem sido utilizada por notáveis ​​mercados da darknet, com o anúncio de que o AlphaBay, passaria a aceitar a criptomoeda (em agosto do ano passado) e o mercado mercado Oasis Market, da deep web, seguindo o terno.

No entanto, pode-se dizer que a moeda despertou o interesse de grandes bolsas. Com o movimento, a Kraken poderia estar pronta para reverter a tendência, juntando-se a outras importantes bolsas, como a Bitfinex e Poloniex, e como uma das maiores a aceitar a criptomoeda. (Lista os pares de moedas XMR/, XMR/XBT e XMR/EUR a partir do lançamento).

Leia também  Ganhe Bitcoins sendo um Freelancer

Notavelmente, o da criptomoeda não recebeu nenhum apoio notável do anúncio, caindo de $16.05 aproximadamente a $15.42 no dia 3 janeiro, conforme relevam os gráficos do CoinMarketCap.

Melhorar a percepção

Em um mercado em que as proposições de valor das moedas digitais são continuamente analisadas e questionadas, parece que a Monero está mostrando sinais de que poderia enfrentar essa tendência.

Como a Monero aproveita as “ring signatures” para ajudar os usuários a permanecerem anônimos, a altcoin tem desfrutado de um lento aumento tanto na adoção, quanto preços desde o seu lançamento em 2014. Na verdade, notoriamente, até mesmo os desenvolvedores do bitcoin agora estão apoiando o projeto devido aos seus potenciais avanços de privacidade.

Esse apoio também foi citado pela Kraken nas suas declarações formais.

“A Monero é uma das principais  que viu um enorme de mercado de 40x em 2016 e negocia com alto volume e liquidez”, afirmou Kraken em seu blog. “A Monero é construída sobre os princípios fundamentais de privacidade, descentralização, desenvolvimento aberto, escalabilidade e fungibilidade.”

Via: Coindesk
Adaptação/Tradução: Guia do Bitcoin

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *