Walmart testa tecnologia Blockchain para realizar entregas com Drones

0 Comentários

O está definitivamente de olho na .

O Escritório de Marcas e Patentes dos Estados Unidos (USPTO) publicou recentemente uma patente arquivada pelo mega-varejista para um “sistema de gerenciamento de ” que visa melhorar o transporte final – o alongamento final que se estende para as casas dos consumidores – usando a robótica, sensores , e sim, blockchains, também muitas vezes referidos como ledgers distribuídos.

Blockchains são um tipo de estrutura de dados que está dispersa em uma rede de computadores de uma maneira que os proponentes dizem ser mais segura do que os meios tradicionais de manutenção de registros. Algumas empresas, como a gigante de navegação dinamarquesa Maersk, estão utilizando a tecnologia e reduzindo potencialmente as fraudes e imprecisões em suas cadeias de suprimentos.

O pedido de , intitulado “Entrega aérea não tripulada para local seguro”, descreve um processo pelo qual a Wal-Mart poderia automatizar a logística dos drones de entrega.

Embora o pedido de patente seja vago em detalhes, seus autores apresentam a mecânica geral de uma entrega hipotética. Veja como isso funciona:

  • Quando um se aproxima de uma caixa de entrega, ele se autentica com um “identificador de cadastro de blocos”, um tipo de chave numérica ou criptografada.
  • Se o código for válido, a caixa será desbloqueada, aberta e o pacote aceito.
  • Quando um pacote chega ao seu destino, seu recibo pode desencadear uma notificação a ser enviada para o dispositivo móvel de um consumidor.
Leia também  Blockchain: os resultados do teste de rastreamento de alimentos do Walmart, são "muito encorajadores"

O Wal-Mart pode usar uma Blockchain não só para autenticidade, mas também para rastrear outras informações úteis sobre um pacote, pois também se movem através de uma cadeia de suprimentos. Por exemplo, um banco de dados baseado em Blockchain pode registrar informações como tempo, localização, manipuladores, data de entrega, temperatura, protocolos de coleta e outros dados em um formato inviolável que seja acessível e capaz de ser confiável por correio, clientes , E quaisquer outros intermediários ao longo da rota de um pacote.

Aqui está um diagrama do sistema. (Você pode ler os detalhes no arquivo.)

O Wal-Mart vem explorando a tecnologia blockchain há algum tempo. Em outubro de 2016, a empresa anunciou que seria parceiro da () para rastrear digitalmente embarques de carne de porco na China usando uma cadeia de blocos.

A Wal-Mart apresentou um pedido de patente para este sistema de gerenciamento de entrega um ano antes do anúncio da IBM em 25 de novembro de 2015. A iniciativa da empresa representa apenas uma aplicação potencial da tecnologia ainda incipiente. Blockchains continuam a serem criticadas por seu potencial por interromper muitas áreas do negócio, incluindo serviços financeiros, cadeias de suprimentos, mídia e governança.

Via: Fortune
Tradução: Guia do Bitcoin