Venezuela define valor inicial da sua criptomoeda “Petro” em $ 60

0 Comentários

A marcou na quarta-feira o valor inicial de uma moeda digital valendo US$ 60, mas seu preço flutuará com base no mercado de petróleo, disseram autoridades.

O país latino-americano – que tem as maiores reservas de petróleo comprovadas do mundo, mas enfrenta uma crise econômica – disse que uma pré-venda de 38,4 milhões de unidades “Petro” de um total de 100 milhões ocorreria entre 20 de fevereiro e 19 de março .

O preço inicial da moeda é baseado no custo de um barril de petróleo venezuelano em meados de janeiro, e a moeda será apoiada pelas vastas reservas de petróleo do país.

O valor do será então “sujeito a mudanças, dependendo das flutuações no mercado (de petróleo)”, disse Hugbel Roa, ministro da ciência e tecnologia.

Leia também  2.3 bilhões de pessoas agora podem enviar Bitcoin utilizando o Smartphone e Twitter

O presidente Nicolas Maduro anunciou no início de dezembro que a Venezuela – que está sob sanções dos EUA e da UE – estava criando a moeda digital.

“Isso nos permitirá avançar para novas formas de financiamento internacional para o desenvolvimento econômico e social do país”, afirmou o presidente na época.

A Venezuela está atolada em uma profunda crise econômica desencadeada principalmente por uma queda nos preços do petróleo bruto e uma queda na produção de petróleo, que representa cerca de 96% das exportações do país.

Está lutando para reestruturar sua dívida externa, estimada em cerca de US$ 150 bilhões por alguns especialistas.