Universidade de Stanford trará Workshops de Bitcoin em conferência de tecnologia

0 Comentários

Esta de inovações tecnológicas Workshops de  chegam a  nos dias 4 e 5 de novembro.

A conferência em que inovações como a Segregated Witness e a TumbleBit fizeram sua “estréia” pública, rapidamente se tornou uma etapa importante para as comunidades de engenharia globais de . Após as edições em Montreal, Hong Kong e Milão, a de Stanford receberá a quarta edição do  Scaling Bitcoin nos dias 4 e 5 de novembro deste ano.

“Queremos ajudar o processo técnico de construção de consenso, num domínio em que o desempenho e a segurança são compromissos cruciais”, disse Ferdinando M. Ametrano, professor de tecnologia Bitcoin e Blockchain no Politecnico di Milano e membro do Comitê de Planejamento de Scaling Bitcoin, a Bitcoin Magazine.

Nascido nos primeiros dias do debate público sobre a do Bitcoin, as duas primeiras conferências ou “oficinas” de Scaling Bitcoin foram organizadas logo após a outra em Montreal e Hong Kong, no segundo semestre de 2015. Foram lá que muitos desenvolvedores conheceram algumas das tecnologias mais inovadoras, As oficinas resultaram no roteiro de escalabilidade bem conhecido apoiado pela equipe de desenvolvimento do .

Leia também  Fujitsu lança sistema que transforma pontos de recompensa em fichas de blockchain

Uma terceira edição do Scaling Bitcoin foi organizada em Milão em outubro de 2016. Naquela época, as oficinas aumentaram o escopo desde a escala apenas para incluir melhorias na privacidade e fungibilidade, bem como em um desenvolvimento técnico mais amplo.

Esta conferência será continuada em Stanford, onde o tema do evento foi apelidado de “Scaling the Edge”. Enquanto a agenda exata ainda não foi estabelecida por um comitê dedicado, os tópicos sobrepostos para a edição de Stanford devem incluir novamente a fungibilidade e Também deve haver maior foco em simulações e testes.

Além disso, como um tópico de interesse relativamente novo, o Scaling Bitcoin Stanford expandirá seu alvo mais uma vez: desta vez também inclui a teoria dos jogos e a governança da tecnologia.

“Isso nunca ficou muito presente nas edições anteriores do Scaling Bitcoin. Mas eventos recentes como BIP148 BIP91, softwares ativados pelo usuário estão provando que estamos aprendendo mais e descobrindo como os incentivos econômicos de Bitcoin estão alinhados”, disse Ametrano.

Leia também  Liberland, uma nação construída com bitcoin

Notavelmente, como o evento que acontece no início de novembro, parece que o Scaling Bitcoin Stanford terá um contexto controverso iminente. Onde os dois primeiros eventos foram em resposta direta à Bitcoin XT.

Por isso, parece provável que este duro assunto faça parte da discussão em Stanford de uma forma ou de outra, reconheceu Ametrano.

“As propostas de tamanho de bloco são incluídas como tópicos de interesse para Stanford. E é claro que um potencial de divisão será, de forma implícita ou explícita, parte do debate da conferência, afirmou. Olhando para o futuro, a maioria concorda que alguma coisa terá que acontecer na Blockchain. Mas como e quando requer um acordo unânime. O que nos traz de volta ao tema da teoria dos jogos e da governança”.

Via: Bitcoinmagazine.com
Tradução: Guia do Bitcoin

Leia também  A copa do mundo na Rússia em 2018 dá as boas vindas às criptomoedas