Um resumo de como funciona a Lightning Network

1 Comente

O texto a seguir é uma tradução do site oficial do projeto sob o subtítulo “como funciona” (http://lightning.network/how-it-works/).

Possibilitado pelos contratos inteligentes com

A Lightning Network (LN) é uma rede descentralizada que usa a funcionalidade dos contratos inteligentes para possibilitar pagamentos instantâneos em uma rede de participantes.

Como funciona

A LN depende da tecnologia subjacente da blockchain. Ao usar transações do /Blockchain e a linguagem nativa de script de contratos inteligentes, é criar uma rede segura de participantes que são possibilitados a transacionar em alto volume e velocidade.

Canais de pagamento bidirecionais

Dois participantes criam uma planilha de entrada na blockchain que requer que ambos assinem qualquer gasto de fundos. Ambas as partes envolvidas criam transações que recompõem os fundos de suas alocações individuais, mas não os publica na blockchain. Eles podem atualizar suas alocações individuais nessa planilha de entrada criando muitas transações nessa planilha. Somente a versão mais recente é válida, o que é garantido pelo script analisável na blockchain do contrato inteligente. Essa entrada pode ser fechada a qualquer momento por qualquer parte sem a necessidade de confiança e custódia ao se publicar a versão mais recente na blockchain.

Leia também  Governo da Índia está dividido sobre a legalização do Bitcoin. Em paralelo, a procura é tanta que há "escassez de Bitcoin" no país

Lightning Network

Ao criar uma rede dessas planilhas de entradas de duas partes, ela possibilita a encontrar um caminho através da rede similar aos pacotes de encaminhamento da internet. Não se confia nos nós ao longo do caminho à medida que o pagamento é forçado usando um script que obriga a atomicidade (tenha o pagemento sucesso ou não) decrementando chaves de tempo.

Blockchain como árbitro

Como resultado, é possível conduzir transações fora da blockchain sem limitações. Transações podem ser feitas fora do bloco com a confiança da “enforçabilidade” de dentro do bloco. Isso é similar a quando alguém faz contratos legais com outra pessoa, mas ninguém vai ao tribunal cada vez que um contrato é feito. Ao tornar as transações analisáveis, o contrato inteligente pode ser forçado dentro da blockchain. Somente no evento da não-cooperação a corte precisa se envolver – mas com o blockchain, o resultado é determinístico.

Leia também  Bitcoin, alternativa contra a crise econômica na Argentina

Guia do Bitcoin

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin!
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: https://guiadobitcoin.com.br/feed/