Um mercado revolucionário é digno de um projeto audacioso

0 Comentários

A Criptohub é uma startup que promete mexer com o mercado brasileiro de criptomoedas através de um projeto audacioso, porém sólido, calcado num amplo conhecimento da realidade nacional em torno dos criptoativos e em experiências de exchanges de sucesso fora do Brasil como Binance e Kucoin.

O time liderado pelo CEO Ramon Vailatti conta com gestores, administradores, programadores, entusiastas e especialistas em várias facetas do mercado digital em geral e do mercado de criptos em específico. A equipe conta com conselheiros internacionais de peso e está focada em se tornar a maior exchange de criptomoedas do Brasil no horizonte de 12 meses.

ICO Bônus Deposito Mínimo Quantidade Disponível Abrir uma conta
Até 40% 0,0005 ETH 100.000.000 CBHR (Criptohub Token) Investir Agora

Um dos carros chefes de tais pretensões é a ICO da criptohub que se chama CHBR e já está sendo negociada nas semanas que antecedem o lançamento oficial da plataforma, agendado para ocorrer no próximo dia 25 de junho. O custo de cada token, que foi criado em cima da plataforma da Ethereum, é de 0,0005 ETH, mas os compradores ganham bônus na compra antecipada conforme os lotes são oferecidos.

Leia também  Não perca sua chance de ganhar dividendos na mineração de criptomoedas de forma conveniente e competitiva

Muitos diferenciais da plataforma têm sido anunciados e vão desde agilidade na aprovação de cadastros, depósitos e saques até o desenvolvimento de um aplicativo para e-commerce, passando por um cartão de crédito atrelado à plataforma e uma mesa de negociação especial para grandes investidores que demandam muita liquidez num mercado extremamente dinâmico e com enorme potencial.
A plataforma já iniciará suas operações com uma oferta maior de moedas digitais do que as plataformas que atuam hoje no Brasil, o que promete atrair pessoas interessadas em expandir seu portfólio para além do carro chefe das criptomoedas que é o bitcoin.

O mercado brasileiro é olhado com carinho especial pela Criptohub uma vez que o público brasileiro já demonstrou seu entusiasmo em relação à tecnologia e já investe mais em criptomoedas do que em ações tradicionais na bolsa se valores. Além disso, o mercado brasileiro sozinho possui mais de 200 milhões de potenciais investidores e ainda há amplo espaço para aumentar a proporção da população do país que conhece e usa os ativos digitais como as diversas finalidades que já são realidade no mercado hoje.

Leia também  Ilha das Bermudas apresenta regulamentos de criptomoedas e atrai empreendedores e ICO's

Algo que chama a atenção no projeto é a capacidade de mobilização de pessoas e comunidades. A conta do grupo no Telegram em Português já conta com mais de mil usuários cadastrados e entusiasmados com as características da plataforma.

O mercado de criptomoedas representa uma revolução tecnológica de grandes implicações econômicas e sociais, sendo uma das áreas com maior potencial disruptivo e agregador de valor do século 21. Todas as grandes corporações e instituições do mundo financeiro tradicional estão numa corrida para aprender o que é a blockchain e para aprender a aplica-la para tentar fazer frente à inovação trazida ao mundo por Satoshi Nakamoto.
A Criptohub é parte dessa história de sucesso e almeja contribuir largamente para que o Brasil se consolide como grande player nesse mercado de tecnologia.

Leia também  Rússia se prepara para legalizar ICO's