Exchange x Usuário: Tribunal de Singapura julga causa de US$ 43 milhões em Bitcoin

0 Comentários

 

mão segurando martelo juiz

O Tribunal do Comércio de decidiu hoje rejeitar um pedido de reintegração, num processo onde o requerente tentava recuperar 3.092 Bitcoins de uma .

O caso foi dado a entrada no tribunal pela primeira vez em abril deste ano no , contra a exchange de criptomoedas de Singapura , chamou atenção devido à grande quantidade de Bitcoins envolvida. 3.092 Bitcoins negociadas no valor de US $ 3,7 milhões na época, US $ 43 milhões atualmente.

De acordo com o documento do tribunal , o juiz decidiu em favor da Quoine, pois concordou que o requerente aproveitava conscientemente de um problema na plataforma, enquanto os termos de acordo da Quoine preserva seu direito de reverter essas negociações.

Leia também  De volta ao jogo! Exchange chinesa BTCC reabre plataforma de trading e lançará token próprio

O requerente conseguiu explorar uma “falha técnica” e vendeu 309 e 3,092 Bitcoins, obtendo um lucro de US $ 3,7 milhões. O , com um preço de US $ 1.226 na época, valia cerca de 250 vezes mais do que o  Éter.

A Quoine logo inverteu o comércio sem informar ao usuário, citando que a conduta da empresa violou a regras, o usuário decidiu levar o caso ao tribunal na tentativa de recuperar os Bitcoins.

De acordo com o documento do tribunal, o juiz Thorley concluiu que “o requerente tinha consciência de que o preço estava totalmente fora do padrão com todos os outros preços que buscava negociar durante esse dia.

 

Fonte: Coindesk.com

Tradução: Guia do Bitcoin

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin!
Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: https://guiadobitcoin.com.br/feed/

Leia também  Huobi Pro informa que irá aceitar qualquer fork do Bitcoin