Stablecoins crescem em adoção nos últimos meses, diz relatório

0 Comentários

De acordo com um relatório elaborado pela empresa de pesquisas Diar, há uma crescente adoção e um aumento constante no número de transações no mercado de stablecoins – que são criptomoedas construídas com paridade 1:1 em moedas fiduciárias, principalmente o dólar.

Em novembro, as chamadas criptomoedas estáveis registraram um aumento de 1032% em seu uso comparado ao mês de setembro, isso após as mesmas terem passado a marca de US $ 2,3 bilhões (aproximadamente R$ 8,9 bilhões) no final do mês passado.

Segundo a Diar, nos últimos três meses as 4 maiores moedas romperam a marca de US $ 5 bilhões em transações on-chain, são elas: a Gemini Dollar (GUSD), True USD (TUSD), Paxos (PAX) e o USDC.

As stablecoins estão ganhando cada vez mais suporte das bolsas de criptomoedas mundo afora, recentemente a grande exchange Bitfinex listou em sua plataforma a TUSD, PAX, GUSD e a USDC, em uma resposta ao descontentamento com o Tether (USDT) – primeira moeda estável do mercado que é mantida pela mesma equipe por trás da corretora.

A Binance também decidiu dar um fim ao monopólio de stablecoins que o Tether detinha em sua plataforma, listando também a PAX, USDC e a TUSD, formando assim um mercado combinado de moedas estáveis que permitirá a adição de mais moedas futuramente.

Ainda segundo o relatório, o financiamento de Ofertas Iniciais de Moedas (ICOs) manteve um forte declínio este ano, com um pico de US $ 2,6 bilhões em fevereiro para uma mínima de US $ 65 milhões em novembro.

Confira também: Tether (USDT) tirou US$ 300 milhões de circulação e perdeu paridade com dólar

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.