SEC está revisando a proposta de ETF da NYSE

0 Comentários

A Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC) está revendo sua decisão de rejeitar a proposta do ETF (Bitcoin Exchange-traded Fund) da Bitwise Asset Management e NYSE Arca.

As informações são do site Cointelegraph.

Pode ser que o órgão regulador dê uma segunda chance para a proposta. Porém, como já vimos vez após vez, a SEC não parece ser nem um pouco amigável em relação ao ETF do Bitcoin.

Em um anúncio do dia 18 de novembro, a comissão disse que o pedido de ETF da Bitwise Asset Management e da NYSE Arca retornará à revisão, após a rejeição anterior por não atender aos requisitos necessários.

Em outubro, os órgãos reguladores dos EUA disseram que os candidatos não cumpriam os requisitos necessários em relação a possíveis manipulações de mercado e atividades ilícitas. A SEC escreveu na época:

“A Comissão está desaprovando essa alteração de regra proposta porque, conforme discutido abaixo, a NYSE Arca não cumpriu sua carga sob o Exchange Act e as Regras de Prática da Comissão para demonstrar que sua proposta é consistente com os requisitos da Seção 6 (b) do Exchange Act ( 5) e, em particular, a exigência de que as regras de uma bolsa de valores nacional sejam projetadas para evitar atos e práticas fraudulentas e manipuladoras.”

 

Veja como comprar Bitcoin no Brasil!

 

Uma das principais preocupações do regulador ao avaliar novos ETFs baseados em commodities é estabelecer se o mercado subjacente é resistente à manipulação. Na ordem da SEC que rejeitou a solicitação da Bitwise, os comissários escreveram que as evidências apoiavam insuficientemente a alegação de que o mercado spot “real” do Bitcoin, quando “dados falsos e/ou não econômicos são removidos”, é suficientemente resistente à manipulação.

No entanto, hoje o regulador anunciou que está analisando a proposta mais uma vez; portanto, mais uma vez, qualquer parte ou pessoa poderá apresentar uma declaração em apoio ou oposição à ação tomada em conformidade com a autoridade delegada, o mais tardar até o dia 18 de dezembro de 2019. NADA.

A SEC salienta ainda que a ordem para desaprovar a listagem proposta da declaração da ETF da Bitwise Asset Management e da NYSE Arca permanecerá em vigor até a revisão da Comissão.

Charles Lu, CEO do protocolo de contabilidade confidencial Findora, falou recentemente sobre um prazo realista para a primeira aprovação de ETF de criptomoedas, ele duvida que o processo seja rápido:

“Para que uma proposta de ETF de Bitcoin obtenha a aprovação da SEC, o patrocinador precisará provar que a descoberta real de preços está acontecendo em oposição à manipulação de mercado.” Lu não acreditava que isso aconteceria no futuro próximo, acrescentando: “A SEC exigirá acordos de compartilhamento de vigilância com exchanges significativas de criptomoedas – um requisito com o qual poucas corretoras com domicílio estrangeiro concordarão.”

Veja também: CEO da IOHK: “Ada será uma fera em 2020”

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.