SBI Group investe US$ 15 milhões em empresa de carteira de criptomoedas

0 Comentários

Conforme relatado pelo portal CoinTelegraph, o SBI Group investiu em uma empresa de cripto-carteira, a Tangem, uma fabrica que oferece solução de armazenamento em criptomoedas. “Smart card” um dos seus produtos, recebeu US$ 15 milhões de investimento da empresa japonesa.

A Tangem, que foi fundada na Suíça, utilizará o investimento para realocar suas operações para a área de ‘Crypto Valley’ em Zug. A startup foi co-fundada pelo ex-chefe da filial do UBS em Moscou, Anselm Schmucki, e emprega 16 pessoas na Suíça, Rússia, Cingapura e Hong Kong.

As hardware-wallets que a empresa desenvolve são “cartões inteligentes” físicos que podem ser pré-carregados com quantidades fixas de criptomoedas, funcionando muito como uma cédula. A Tangem quer desenvolver outros casos de uso para seu produto, identificação de indivíduos em situações de emergências humanitárias e crises de refugiados, são algumas ds áreas de interesse.

Segundo Andrey Kurennykh, “A grande missão da Tangem é levar a aplicação da tecnologia blockchain ao cotidiano das pessoas. Desta forma, pessoas que não têm conexão com o sistema financeiro tradicional devem ser capazes de negociar com facilidade e segurança. Como parte da comunidade Crypto Valley e através do uso de todos os recursos e parcerias, a Tangem está um passo mais perto de alcançar este objetivo” finalizou.

Grupo SBI investe pesado em Criptomoedas

Em outubro de 2017,o  conglomerado japonês SBI Holdings anunciou seus novos planos de negócios de criptomoedas. Na sessão de informação sobre os resultados da empresa, o presidente e CEO, Yoshitaka Kitao, detalhou como a empresa está “buscando sinergias entre o seu ecossistema financeiro atual e seu novo ecossistema financeiro baseado em criptomoedas”.

As 8 empresas de criptomoedas se dividem entre as seguintes categorias:

  1. Plataformas de exchange;
  2. Gestão de hedge funds;
  3. Financiamento;
  4. Mineração;
  5. ICO
  6. Serviços de informações de classificação da exchange;
  7. Mercado de derivativos;
  8. Serviços de remessa / transações / pagamentos

Cada um dos negócios acima “será desenvolvido simultaneamente para buscar sinergia e evolução mútua”, escreveu SBI Group, na época.

Leia mais: Polícia de Porto Alegre encontra fazenda clandestina de mineração de Bitcoin

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.