Novo relatório indica que Tether está “super saudável”

1 Comente

A Theter (USDT) vem sofrendo diversas críticas em relação aos muitos problemas que ela enfrentou, até mesmo com a justiça. Porém, uma recente pesquisa indica que o projeto da stablecoin está indo muito bem, obrigado.

Longhash, uma empresa especializada em pesquisas dentro do criptomercado, concedeu uma pontuação de saúde de 90 em 100 para a Tether. Número que indica que a stablecoin é “extremamente saudável”, ou seja, é um projeto confiável e estável. NADA

Usando uma métrica abrangente de cinco etapas para analisar a integridade do token, Longhash afirmou que o USDT se saiu muito bem em quatro de cinco métricas.

O relatório analisou a estabilidade, em termos de flutuação de preços, uma vez que o modus operandi de uma stablecoin é, como o nome indica, estável de acordo com a moeda no qual o ativo está lastreado.

O uso e aceitação de stablecoins no mercado com base no volume em trocas e pares de negociação foi a segunda métrica chave.

Outras métricas incluíram resistência a risco contra a volatilidade do mercado de criptomoedas, desempenho a longo prazo e crescimento da stablecoin em relação à sua capitalização de mercado.

A Tether teve bom resultado em todas essas métricas, ficando para trás apenas no quesito Praticidade. A métrica estava relacionada ao seu uso fora das exchanges, das captação de recursos ou round de investimento.

Gemini USD [GUSD], a stablecoin criada pelos gêmeos Winklevoss e uma das principais concorrentes, marcou 78 pontos, pouco abaixo da Tether, mesmo tendo superado a moeda em praticidade e estabilidade. No entanto, ficou abaixo em relação às métricas de aceitação e crescimento do mercado.

O relatório do Procurador Geral de Nova York, que acusou a Bitfinex de encobrir uma perda substancial de 850 milhões de dólares “emprestando” dinheiro da Tether, resultou em uma queda no preço do USDT, ainda que brevemente, prejudicando a métrica de estabilidade.

Porém a recuperação de preços foi saudada por Longhash como um acréscimo ao fator de resistência a risco da stablecoin.

Em termos de distribuição, Tether foi descrito no relatório como “concentrado”, já que mais da metade de sua oferta está na Binance, a maior bolsa de criptomoedas do mundo.

No entanto, apesar da oferta desequilibrada, a USDT se sai melhor do que suas contrapartes, GUSD, Paxos Standard [PAX], USD Coin [USDC] e True USD [TUSD], que foram referidas como “Altamente Concentradas”.

Longhash concluiu comentando sobre a possibilidade de uma manipulação iFinex que poderia resultar em um colapso do USDT,

“As ações do iFinex poderiam eventualmente causar a queda do USDT? É possível. Mas pelo menos de acordo com os dados que temos atualmente, achamos que o USDT está em muito boa saúde ”.

Com exceção do GUSD, as outras stablecoins (PAX, USDC e TUSD) estavam presentes de maneira esmagadora na Binance, com fornecimento minoritário na Huobi e OKEx. A Gemini USD era a única stablecoin a ter um suprimento majoritário na OKEx, seguida por Huobi e Gemini.

Veja também: Libra: Autoridades europeias demonstram oposição a criptomoeda do Facebook

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.