Rede ferroviária passa a usar blockchain em sistemas próprios

0 Comentários

A rede ferroviária Norfolk Southern tornou-se o mais recente jogador da indústria a aderir a in Transport Alliance.

Uma das quase 6 ferrovias da Classe I na América do Norte, a Norfolk Southern anunciou na quinta-feira que participaria da missão do consórcio de estabelecer padrões para empresas de logística usando a tecnologia blockchain, segundo um comunicado de imprensa.

A empresa mantém uma série de linhas ferroviárias em toda a costa leste, além de fornecer serviços de transporte de carvão na região.

O vice-presidente da BiTA, Fred Ehlers, afirmou em um comunicado que a linha férrea ajudaria a simplificar os processos da cadeia de suprimentos usando blockchain.

A declaração foi repetida pelo presidente do BiTA, Chris Burruss, que disse que mais de 250 membros da aliança estão trabalhando na criação de “padrões comuns de blockchain que definirão o futuro do movimento de frete”, segundo o comunicado.

Leia também  Bitpay anuncia parceria inédita com a Bitmain em um acordo multimilionário

Ele adicionou:

“A Norfolk Southern traz um nível de conhecimento intermodal e ferroviário para a Aliança, que beneficiará todos os membros e a indústria como um todo, à medida que avançamos em direção a uma estrutura comum. Estamos ansiosos para nos engajar com eles à medida que avançamos.”

A linha férrea se junta a empresas como a BNSF Railway, de propriedade da Berkshire Hathaway, que se uniu à aliança no início deste ano. Da mesma forma, a divisão de transportes da General Electric tornou-se membro em março.