“Pumps e Dumps”: hoje foi a vez da Vertcoin

Vertcoin (VTC) foi a criptomoeda mais recente a se beneficiar de um soft-fork, com uma aumento de mais de 100% no seu valor devido à eminente implementação do Segregated Witness (SegWit).

No momento da matéria, a proporção de mineradores que sinalizam o suporte para o soft-fork está em pouco menos de 73%, um pouco abaixo do limite de ativação de 75%.

“O SegWit está bem encaminhado, estamos sinalizando um pouco acima do limiar de 75% para CSV e mais de 50% para SegWit”, segundo escreveu a equipe no último blog do Vertcoin em 23 de março, incentivando um empurrão final aos mineradores e assim aumentar o apoio ao suporte.

A Vertcoin se apresenta como um “Bitcoin atualizado”, fornecendo uma rede com “atenção especial à privacidade e descentralização permanente”, resistente à centralização da mineração através da utilização de hardware ASIC.

Leia também  Bitcoin continua sendo a maior esperança para os Venezuelanos

Tendo permanecido relativamente estável no preço ao longo de 2016, mas desde segunda-feira, um VTC tinha disparado 191% em 24 horas.

 

No entanto, nem todo mundo está confiante nessa alta da VTC, segundo comentários no Twitter, suspeita-se que o SegWit é apenas uma estratégia que os desenvolvedores usaram para lucrar com uma alta temporária do preço.

E o você o que acha? Comente abaixo.

Fonte: cointelegraph.com
Adaptação/Tradução: Guia do Bitcoin

Posts relacionados

Leia também  Putin disse ao Banco Central: "Não crie barreiras desnecessárias para o Bitcoin"
loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *