Preço do Bitcoin decola! Valor chega próximo dos $3.000 em várias exchanges e preço congela no Brasil

Hoje, dia 6 de junho de 2017, a Bitcoin atingiu novamente um máximo de todos os tempos ao atingir aproximadamente US$ 2.940 em todo o mundo. O preço da moeda descentralizada saltou a passos largos desde a desaceleração da semana passada.

Previsões de alta para o mercado de Bitcoin assumem a liderança

Muito mudou desde a última vez que o preço do bitcoin atingiu um máximo de US$ 2760 no dia 25 de maio de 2017 e, posteriormente, caiu mais de 30% no dia seguinte. Durante alguns dias, o preço pairava entre a faixa de $2250-2350, então fez seu primeiro salto acima de US$ 2400, chocando aqueles que predisseram uma tendência de baixa para baixo. Muitos comerciantes e até mesmo o analista Nicola Duke, destaque na CNBC, achavam que a previsão era para o pior. O preço “poderia até chegar a US$ 1.470”, explicou a previsão de Duke.

Leia também  Mineração: GPUs de Arquitetura Pascal podem ser usadas para minerar altcoins

As coisas mudaram desde então, enquanto o preço do bitcoin aumentou consistentemente ao longo da semana. Depois de quebrar o limiar de US $ 2400, o valor do bitcoin rapidamente aumentou após ficar no território de US$ 2500 a US$ 2600 por um curto período. A faixa de preço de US$ 2700 e acima durou cerca de uma hora e meia até $2.800 ter sido violada. A Bitcoin agora possui uma capitalização de mercado de US$ 46 bilhões e US$ 1,6 bilhão em bitcoins foi negociado nas últimas 24 horas.

Tendência mais alta do que nunca

A positividade geral é alta no que se refere ao preço, e isso está levando a uma atenção mais centrada no bitcoin. O interesse online no bitcoin  também está em alta de todos os tempos, enquanto o Google Trends mostra pesquisas de bitcoin superou os registros de 2013 e apareceu como um dos 10 termos mais buscados em todo o mundo.

Leia também  Ethereum: 7 razões para comprar e usar
Superar os $3.000 por bitcoin não está fora de questão, e isso pode acontecer dentro das próximas 24-48 horas.

No Brasil, após o período de correção das semanas passadas, os mercados parecem ter se acalmado e não estarem mais acompanhando a subida do Bitcoin em relação ao dólar (USD). Alguns usuários relatam que o movimento é devido a maior corretora de Bitcoin, a Foxbit, ter anunciado manutenção na semana passada, ficando inoperante por 1 semana aproximadamente. Desde ontem, vários usuários voltaram a negociar na plataforma e relatam que estão conseguindo utilizar normalmente. No momento da postagem, os preços do Bitcoin no Brasil marcam uma média de R$ 10.000,00.

[Dica] Acompanhe as cotações e configura alertas para preços nacionais de exchanges como Foxbit e Walltime e de internacionais como Bittrex, Poloniex (Altcoins) no https://watchcoins.net/

Leia também  Finney: conheça o primeiro smartphone baseado em Blockchain e focado em usuários de criptomoedas

Quer ficar antenado sobre Criptomoedas? Siga os nossos canais e receba atualizações todos os dias:

Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Linkedin: https://www.linkedin.com/company-beta/16221556

2 Comentários


  1. Com isso, pode ser que aqui no Brasil o valor do BTC também suba, mas com retardo, se o valor em dólares permanecer naquele valor de quase 3 mil dólares?

    Responder

    1. Sim ou não, Bruno. Pode ser que aconteça isso, ou o mercado só reaja quando acontecer outro “disparada” em relação ao valor em Dólar, como já vimos antes 😉

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *