Plataforma de Música passa a pagar artistas com Bitcoin

Quem gostaria de ter seu trabalho valorizado e não precisar pagar taxas nem impostos por ele? Essa é a proposta da Arena Music. Aderindo a pagamentos via bitcoin, a plataforma evita de passar por vários protocolos que, por muitas vezes, são cobrados taxas e impostos que diminuem ainda mais a comissão final dos artistas.

A Arena Music, situada em Phoenix no estado norte-americano do Arizona, está se preparando para repassar a comissão de seus artistas parceiros através de bitcoin. O site possui uma grande variedade de conteúdo musical, incluindo bandas punk independentes. Sua metodologia de vendas é bem interessante. O site oferece a possibilidade de seus usuários poder ouvir músicas grátis, caso eles compre algum material exclusivo das bandas a qual ele está ouvindo. Seria algo em torno de “compre uma camiseta e ouça a música grátis”.

Leia também  Bitcoin Unlimited se recupera após segundo bug ser explorado com ataque DDoS

Estreitando os Laços

Todas as vantagens da infra-estrutura peer-to-peer do bitcoin tornam-se essenciais para ajudar a tirar a indústria da música flácida do purgatório financeiro. Os contratos complicados podem ser silenciados. A contabilidade torna-se transparente e, pela primeira vez na história da indústria, os royalties de artistas podem realmente valorizar – tudo sem a permissão de uma autoridade central.

O site bitcoin.com fez uma pequena entrevista com o CEO da plataforma, Damon Evans, e nós traduzimos alguns trechos interessante da visão do empresário, veja:

“Mais e mais, os proprietários de conteúdos estão entendendo que bitcoin força um nível de transparência e equidade em relatórios e pagamentos para cada pessoa que contribuiu para um trabalho específico. Isso está faltando em todos os serviços de transmissão de música de assinatura paga em particular” declarou o CEO e continuou “Enquanto nossos clientes internacionais são experientes com bitcoin, os clientes dos EUA estão apenas começando a entender o que é e como funciona. Acreditamos que ao ser o único serviço de transmissão comercial autorizado a oferecer pagamento em bitcoin, a Arena realmente poderá se definir como a alternativa industrial para artistas independentes.”

O que você acha? A indústria da música pode ser “salva” pela bitcoin? O pagamento de bandas em bitcoin vai descentralizar a indústria? Conte-nos nos comentários abaixo.

Leia também  Bitfinex acerta com escritório de advocacia para contra-atacar seus críticos

Fonte: news.bitcoin.com

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin. Nossos canais oficiais:

Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

[jetpack_subscription_form title=”Bitcoins no seu e-mail” subscribe_text=”Digite o seu e-mail” subscribe_button=”Quero receber” show_subscribers_total=”1″]

 

loading...

México não irá regulamentar as criptomoedas em si e sim as empresas do setor

A legislatura do México propôs um projeto de lei que regulará as empresas que interagem com bitcoin e outras criptografia, juntamente com o setor de tecnologia financeira em geral. A…

2s Comentários

Novas leis “anti-lavagem de dinheiro” começam a valer hoje para exchanges de Bitcoin na Austrália

As exchanges de criptomoedas da Austrália agora precisam seguir novas regras direcionadas a prevenir a lavagem de dinheiro e o financiamento do terrorismo. A agência de inteligência financeira do país…

0 Comentários
Vai ficar de fora?
Para manter-se atualizado sobre novidades, ofertas e dicas, informe-nos que você gostaria de receber atualizações por e-mail inserindo seu endereço de e-mail e clicando para se inscrever. Como usamos as suas informações?​

INSCREVER
close-link