Parceria da IOTA com a Bosch aponta futuro promissor

0 Comentários

imagem com logomarca da Bosch e da IOTA

No ano passado relatamos aqui em nosso blog, o início da parceria entre a Bosch e a IOTA. Agora a Bosch divulgou um artigo destacando um avanço na parceria com a IOTA, a implementação de um novo método de conectividade entre dispositivos, que possibilitará a coleta e vendas de dados de IoT (Internet of Things – Internet das coisas) em tempo real.

“O uso da inovadora tecnologia IOTA Tangle resulta em maior escalabilidade e se torna mais rápido e ainda mais seguro quanto mais atividade houver. É, portanto, um sério acordo de transação e camada de transferência de dados para a Internet das Coisas ”, escreveu a Bosch no blog.

Parceria Bosch & IOTA

Segundo a Bosch, em 2020 existirão mais de 20 bilhões de dispositivos interconectados até 2020, essa “interconexão” gerará um número incalculável de informações. O objetivo da Fundação IOTA é justamente coletar essas informações e concede-las ao mercado, desta forma os usuários do sistema Tangle terão a opção de comprar ou vender esses dados que foram transferidos por mensagens autenticadas mascaradas (MAM).

Para a equipe responsável pela aliança com a IOTA os “dados são o petróleo do futuro”, por isso o grande interesse de gigantes como a empresa Bosch em firmar uma parceria com a fundação IOTA responsável pela criação do projeto Tangle, que é capaz de captar e disponibilizar informações que no futuro serão muito valiosas.

No post a Bosch explica que sua participação nesta parceria será a criação de um dispositivo capaz de coletar dados da IoT em tempo real, este dispositivo está sendo chamado de “kit de desenvolvimento de domínio cruzado (XDK)”, o Bosch XDK será usado para através da combinação de diversas tecnologias de sensores, padrões de conectividade e software para habilitá-lo em praticamente qualquer configuração de IoT, afim de coletar dados específicos em tempo real e vendê-los através do IOTA Data Marketplace.”

O problema e a solução

O grande problema entre as duas parceiras foi buscar uma solução entre conectividade para os dois serviços das empresas. Segundo informações divulgadas no blog da Bosch, não existia uma conexão que estaberlecesse uma ligação entre o sensor criado pela Bosch, o XDK e o Tangle da Iota.

Para resolver essa falta de conectividade foi criada a plataforma XDK2MAM que faz conexão entre o hardware do sensor XDK ao sistema da Iota, usando mensagens autenticadas mascaradas criptografadas por meio de protocolos de conectividade, como o HTTP, Bluetooth e até mesmo USB.

Vale destacar que tal parceria é um marco para o desenvolvimento da IoT e das aplicações da IOTA, isso significa um avanço muito rápido para a Fundação IOTA que foi ‘lançada’ no mercado em junho de 2017.

Essa nova plataforma desenvolvida entre as duas empresas representa uma grande conquista que possibilitará levar os conceitos da Iota para a realidade.

Tudo sobre o XDK:
https://xdk.bosch-connectivity.com/

O XDX da Bosh
Fonte: https://www.embarcados.com.br/bosch-xdk-sensor-x-perience/

Guia do Bitcoin

Escreva um comentário

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.