OpenLibra, primeiro “hard fork” da Libra do Facebook, é anunciada

0 Comentários

Todo mundo já sabe o barulho que a criptomoeda Libra está causando no criptomercado. Porém, mesmo antes e estar perto de uma data de lançamento, já foi anunciado uma “hard fork” da moeda do Facebook, chamada de OpenLibra.

As informações são do site CoinDesk.

Anunciado na conferência de desenvolvedores ethereum, a Devcon, por Lucas Geiger, co-fundador da startup de infraestrutura de blockchain Wireline, o OpenLibra funcionará como uma stablecoin atrelada à criptomoeda Libra.

Atualmente, a Libra está programada para ser lançada no final do próximo ano. Porém, esse é um pequeno mistério, já que tem gente apostando que ela só será lançada em 2023, enquanto outros acreditam que ela nunca vai sair do papel.

“Vamos dividir o código, dividir a comunidade e criar uma nova criptomoeda chamada OpenLibra. Não há venda de tokens. Sem patrimônio e nenhuma empresa por trás dessa iniciativa.”, disse Geiger durante sua apresentação na Devcon.

A equipe principal da OpenLibra inclui representantes de projetos de blockchain, incluindo Cosmos, Web3 Foundation, Democracy Earth e outros, bem como organizações sem fins lucrativos, como a Cruz Vermelha Dinamarquesa.

Geiger explicou que uma doação da Interchain Foundation apoiaria a pesquisa OpenLibra, juntamente com fundos pessoais. A Interchain Foundation é uma organização sem fins lucrativos dedicada ao suporte ao desenvolvimento da rede Cosmos.

“Isso cobre nosso financiamento por vários meses, mas há outros subsídios chegando”, disse Geiger.

O Facebook anunciou a Libra pela primeira vez em junho, detalhando uma moeda estável que será atrelada a uma cesta de moedas fiduciárias e títulos do governo.

Até agora, o projeto OpenLibra publicou uma versão sem permissão da máquina virtual Libra no GitHub.

Diferentemente da Libra do Facebook, o código de cálculos no OpenLibra, chamado de MoveMint, será executado através da blockchain da Tendermint, projetado especificamente para uso em plataformas públicas de blockchain, como a Cosmos.

“Qualquer coisa que funcionar na Libra do Facebook, você pode simplesmente arrastar e soltar no OpenLibra. As finanças funcionarão da mesma maneira. O código funcionará da mesma maneira.”, disse Geiger ao CoinDesk.

Geiger explicou que ele e outros idealizadores não queriam que “uma empresa de cartéis com a ética do Uber e a censura da Visa” fossem os únicos proprietários da stablecoin Libra.

Ainda assim, Geiger disse que a ideia da Libra e sua tecnologia não é apenas brilhante, mas que “provavelmente vai se tornar a moeda da internet”.

Geiger resumiu a ideia do projeto, dizendo:

“Na Libra nós confiamos, no Facebook, não.”

Veja também: Bitcoin: nova oscilação pode ser de 6 mil e 14 mil dólares

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.