Macransom: Novo Ransomware de Bitcoin ataca usuários da Apple

Os especialistas em da Internet estão alertando sobre novos de segmentação por Mac disponíveis para venda na darknet.

Macransom está disponível para compra na Darknet

Há preocupações que o vírus se espalhe rapidamente.

Os vírus de baseados em Bitcoin ganharam atenção internacional após os devastadores resultados do Wanserry no mês passado. Wannacry infectou milhares de empresas abrangendo cerca de 100 nações, e incluindo um ataque devastador contra o NHS britânico.

Leia também  Telefônica perde US$550.000 em bitcoin com ataque ransomware

Na semana passada, pesquisadores do Fortinet divulgaram o novo vírus, o Macransom, um programa de ransomware que visa exclusivamente os sistemas da Apple. Se um sistema estiver infectado, o Macransom encriptará o conteúdo do computador de um usuário e ameaçará excluir se um resgate de 0,25 bitcoins, ou R$ 2.350 (cotação no momento da postagem), não for pago. Embora não seja tão sofisticado quanto o Wannacry, o Macransom está disponível para compra no darknet – levando a preocupações sobre o potencial para o vírus se espalhar rapidamente.

O Macransom está disponível para compra junto com outros softwares mal-intencionados, como o Macspy, um vírus spyware altamente importante que os membros da comunidade de devem estar cientes. O Macspy permite que os golpistas monitorem um computador infectado, capturem senhas e outras informações privadas através do registro de pressionamento de teclas, e até mesmo gravar áudio através do microfone de um computador infectado.

Usuários de Mac também precisam ter cautela on-line

Esses vírus de segmentação para Apple enfatizam a necessidade de os usuários de Mac fazerem cautela online. Embora seja verdade que a maioria dos softwares mal-intencionados almeja os sistemas Windows, os especialistas em segurança da Fortinet, Rommel Joven e Wayne Chin Yick Low dissiparam o conceito falso popular de que os produtos da Apple são inerentemente mais seguros que os sistemas Windows em uma entrevista recente com o Daily Mail UK.

“Muitos usuários de Mac OS podem assumir que seu computador está isento de coisas como ataques de ransomware e pensa que seu sistema é de alguma forma essencialmente seguro. É verdade que é menos provável que um usuário de Mac OS seja atacado ou infectado por malware do que um usuário do Windows, mas isso não tem nada a ver com o nível de vulnerabilidade no sistema operacional”.

O Bitcoin conduziu rápidos avanços na inovação e sofisticação de muitas indústrias. Infelizmente, os vírus mal-intencionados foram uma das indústrias a se beneficiar da tecnologia de criptomoedas. O software Ransomware existia antes do bitcoin, a habilidade da polícia realizar investigações se tornou muito mais difícil por conta do bitcoin, como evidenciado pela evolução do vírus Zeus.

Apesar dos potenciais danos que podem ser colhidos por recursos de valor em Bitcoin, os desafios colocados por esse tipo podem ser facilmente evitados através do exercício de uma rígida política de segurança cibernética.

Via: News Bitcoin
Tradução: Guia do Bitcoin

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *