Lei nos EUA pretende aliviar taxações nas transações de pequenos valores em Bitcoin

Dois representantes do Congresso dos EUA apresentaram um projeto de lei que reduzirá os impostos sobre o bitcoin. Se o projeto de lei for assinada como lei, os usuários de bitcoins dos EUA não teriam que reportar transações no valor de menos de US$ 600.

A Lei de Equidade Fiscal em criptomoeda de 2017, apresentada por Jared Polis (D-CO) e o deputado David Schweikert (R-AZ) é uma tentativa bipartidária de reduzir o peso regulatório sobre as pessoas que utilizam o bitcoin para fazer pequenas transações diárias e não apenas como um meio de investimento.

Infelizmente, as leis atuais dos EUA classificam o bitcoin como “propriedade” em todos os casos, o que significa que os residentes nos EUA precisam pagar impostos sobre os ganhos de capital sempre que realizam uma transação, não importa quão pequena. Este projeto de lei traria um “alívio” aos regulamentos fiscais do bitcoin, garantindo que o bitcoin seja tratado como uma moeda quando usado como uma.

Leia também  Ministro da Índia quer levar tecnologia blockchain e criptomoedas para colonias espaciais

“As criptomoedas podem ser usadas para qualquer coisa, desde comprar uma xícara de café ou pagar por um carro,  mais e mais consumidores estão optando por usar o bitcoin com uma forma de pagamento. Para manter a tecnologia moderna, precisamos remover restrições desatualizadas”, disse Polis em um comunicado publicado em seu site oficial. “Ao cortar a burocracia e eliminar os enormes requisitos, permitirá que as criptomoedas beneficiem mais os consumidores e ajudem a criar bons empregos”.

De acordo com o US Revenue Service (IRS), a maioria dos usuários de criptomoedas já estão fora de conformidade com essas leis. A agência de impostos diz que apenas 802 pessoas declararam transações em criptomoedas, nas declarações de imposto de renda em 2015. Conseqüentemente, a agência contratou a Chainline para localizar fraudes no imposto e tentou forçar a Coinbase a revelar quem são seus clientes.

Leia também  Altcoins: As 10 mais voltaram, e ethereum indo cada vez mais alto

Claro, a tal Lei, não eliminará as taxações sobre o bitcoin. Os usuários ainda terão que pagar o imposto sobre transações maiores que US$ 600, que são mais prováveis ​​de serem relacionadas ao investimento e, portanto, sujeitas a regulamentações.

O processo legislativo é árduo, e muitos projetos morrem antes de chegar a uma votação. Os residentes dos EUA podem demonstrar seu apoio ao projeto contatando seus representantes no Congresso e solicitando o apoio ao projeto.

“Indivíduos em todo o mundo estão começando a usar criptomoeda para pequenas transações diárias, mas aqui nos Estados Unidos por conta da regulamentação, nós estamos atrasados”, acrescentou Schweikert. “Com esta simples mudança legislativa, qualquer pessoa pode fazer pagamentos digitais na compra de um jornal ou uma bicicleta sem se preocupar com os impostos”.

Leia também  Governo força exchange Colbitex a parar negociações de Bitcoin na Colômbia

Fonte: alzibluk

Adaptação/Tradução: Guia do Bitcoin

Acompanhe notícias todos os dias sobre Bitcoin e Criptomoedas:

Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Linkedin: https://www.linkedin.com/company-beta/16221556
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

Bitcoins no seu e-mail

Digite o seu e-mail

Junte-se a 15.533 outros assinantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *