Homem confessa o roubo de $40 milhões em bitcoin

Confrontado pela polícia sobre denúncias de venda de laptops roubados, um homem na Pensilvânia confessou ter roubar mais de US $ 40 milhões em Bitcoin através de um programa de malware.

Um suposto roubo de milhões de dólares de Bitcoin foi revelado da forma mais estranha, quando um homem na Pensilvânia admitiu aos policiais que ele criou um software que rouba Bitcoins, substituindo os endereços das carteira pelo seu.

Theodore Price estava sob investigação em questões totalmente sem relação ao bitcoin, após sua namorada descobrir malas para computadores portáteis que tinha desaparecido da casa dos pais dela com o namorado. O homem havia vendido um dos laptops por US$ 150 dólares, enquanto tinha guardado algo em torno de US$ 40 milhões, o pequeno delito o impediu de sair do país com para gastar os $40 milhões.

Leia também  Proibição do Google para anúncios de criptomoedas pode ser bom para o Bitcoin

COMO LAVAR $ 40 MILHÕES

Se o crime realmente for provado, esse será um dos poucos hacks na história do Bitcoin cujo criminoso tenha sido preso pelo crime. Devido à natureza anônima de Bitcoin, os ladrões – ou hackers – geralmente nunca são encontrados.

O homem admitiu que quando foi abordado pela polícia, ele estava tentando fugir do país para a Inglaterra, na esperança de fretar um jato particular e deixar sob o nome de Jeremy Renner, o nome do ator que interpreta Hawkeye em Os Vingadores.

A maioria dos hackers usam um processo de lavagem de Bitcoin chamado “tumbling” quando se mistura transações de uma pessoa com a de outras pessoas.

O homem explicou que ele criou o software que simula o código usado para criar carteiras de Bitcoin. Ele distribuiu o software através de fóruns específicos, enviando em endereços de e-mail das pessoas. O software rouba chaves Bitcoin, substituindo carteiras de outras pessoas para as do criminoso durante transações.

Leia também  Evento Imperdível - Jimmy Song no Brasil com Blockchain Academy (13/06/2018)

Ele foi acusado na semana passada pelo acesso não autorizado a um computador para cometer um crime federal afim de obter lucro financeiro. O valor do Bitcoin roubado é estimado entre US $ 40 milhões e US $ 50 milhões.

Apesar da confissão, os policiais precisam comprovar que os $40 milhões encontrados não estão ligados a outro crime, mesmo o homem tendo confessado o roubo dos Bitcoins.

A facilidade com que as pessoas encontram para cometer crimes, utilizando das vantagens das criptomoedas, pode ser capaz de manchar o Bitcoin? Será que esse tipo de notícia pode acabar com a reputação das moedas digitais? Deixe sua opinião nos comentários abaixo!

Fonte: bitcoinist.com

Adaptação/Tradução: Guia do Bitcoin

 

loading...

Presidente da Fundação Tezos renuncia

Os fundadores da startup blockchain Tezos, conseguiram a demissão de Johann Gevers, presidente da fundação sem fins lucrativos, que controla as finanças do projeto. The Tezos Foundation has unanimously appointed…

0 Comentários

Complementando aquele velho ditado: “Tudo na vida é passageiro, mas as criptomoedas vieram pra ficar”

Breve história do dinheiro O dinheiro antes que fosse transformado em moedas e notas bancarias, era apenas algo de valor que poderia ser negociado por mercadorias: peles, ferramentas, alimentos, pedras…

0 Comentários
Vai ficar de fora?
Para manter-se atualizado sobre novidades, ofertas e dicas, informe-nos que você gostaria de receber atualizações por e-mail inserindo seu endereço de e-mail e clicando para se inscrever. Como usamos as suas informações?​

INSCREVER
close-link