Holandês de 39 anos vende todos os seus bens para viver de Bitcoin

O preço do Bitcoin passou por uma montanha-russa em 2017, mas isso não impediu um homem de vender tudo o que ele tinha, acreditando que a moeda digital o tornará rico.

O homem em questão é Didi Taihuttu, de 39 anos. Falando com o Business Insider, Taihuttu explicou que ele e sua esposa tomaram a decisão de vender a casa da família, o carro, uma moto, bicicletas elétricas, roupas, sapatos e brinquedos das crianças. Agora ele e sua família vivem em um acampamento na Holanda.

Ele explicou a atitude dizendo:

“As pessoas dirão: ‘Você está louco’. Mas somos uma família aventureira e vamos apostar por um momento para viver vidas minimalistas. Se você nunca corre risco, a vida será chata”.

É possível viver de Bitcoin?

Antes de vender tudo, ele e sua esposa voltaram de uma viagem mundial de nove meses pela Ásia e Austrália com suas três filhas. Ele também foi estimulado também pela perda do pai de 61 anos que morreu por conta de um câncer.

Leia também  Exchanges chinesas agora exigem verificação por video

Durante suas viagens, Taihuttu encontrou muitas pessoas envolvidas com Bitcoin. No entanto, enquanto afirma ter se envolvido pela moeda digital em 2010, ele disse que tem muito conhecimento.

Isso, no entanto, não impediu que ele se jogasse de cabeça.

Taihuttu, junto com um amigo, inicialmente criou um negócio com o Bitcoin, mas quando o valor da moeda subiu em 2013, eles venderam tudo. Em retrospectiva, Taihuttu percebe o quanto mais poderia ter feito se ele tivesse segurado as moedas.

“Se eu soubesse, então, que quatro anos depois teria sido 10 vezes mais valioso, então, é claro, que não teria vendido. Mas então eu pensei: eu tenho que fazer um lucro”.

Pouco depois, quando o valor do Bitcoin caiu, Taihuttu voltou sua atenção para Dogecoin, que atualmente está no 55º lugar no CoinMarketCap. Com o aumento do valor da Dogecoin, Taihuttu percebeu que havia algo acontecendo no mercado.

Leia também  Mineradores de Bitcoin chineses estão encerrando operações preocupados com futura pressão regulatória

Sua casa foi avaliada em 85 Bitcoins, que atualmente está sendo negociado com um comprador – eles agora vivem em num trailer em um acampamento na Holanda. Por enquanto, a família está abraçando o estilo de vida minimalista; no entanto, Taihuttu espera que, até 2020, seus Bitcoins custem três a quatro vezes mais.

Fonte: Cryptocoinsnews.com


Adaptação/Tradução: Guia do Bitcoin
Acompanhe notícias todos os dias sobre Bitcoin e Criptomoedas:

Telegram: http://telegram.me/guiadobitcoin
Facebook: https://www.facebook.com/guiadobitcoin/
Twitter: https://twitter.com/guiadobitcoin
Feed RSS: http://guiadobitcoin.com.br/feed/

Bitcoins no seu e-mail

Digite o seu e-mail

Junte-se a 17.513 outros assinantes

2 Comentários


  1. Acho que ele esta certo, eu estou vendendo meu carro pra fazer isso, só a única coisa assustadora é que ele comprou ou vai comprar DOGECOINS… essa moeda não tem futuro nenhum, em entrevista recente seu criador mesmo afirmou que é loucura comprar DOGECOINS ele mesmo já abandonou o projeto a mais de um ano e por sinal se não houver atualização da moeda ela será deslistada em breve….. Essa moeda todos sabem que foi um neme, uma piada sua criação, não tem um projeto por trás ou uma razão para existir…
    Faltou estudar melhor onde vai colocar seu capital.. vale a dica.

    Responder

  2. Tenho 39 anos, não vendi tudo mas apliquei boa parte do carro que vendi em BTC 😲

    Acho que isso é um sinal 🤔

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *