A historia se repete e mostra que setembro é ótimo para o Bitcoin

0 Comentários

A oscilação e queda nos valores da principal esse ano não são muito animadoras, mas são semelhantes ao que ocorreu em 2015.

No final de 2017, o Bitcoin atingiu o seu valor recorde de US$ 20000, mas desde então a moeda vem desvalorizando e atualmente está na casa dos US$ 6300, o que para muitos não é uma noticia ruim, mas uma ótima oportunidade de comprar Bitcoin. Apesar do otimismo do mercado, o lucro ainda não retornou para os investidores.

Mesmas tendências

As oscilações nos valores são muito semelhantes ao que ocorreu em 2015, em que os padrões de queda e crescimento são os mesmos. Nos dois anos, o preço do Bitcoin teve um alta de 36% em relação aos valores de Julho.

Leia também  Governo Indiano poderá emitir própria criptomoeda

A diferença é que, enquanto em 2015 a tendência de baixa foi quebrada em 6 de Julho, esse ano a tendência de baixa do Bitcoin ainda não foi quebrada. Mas a recuperação pode ocorrer ainda em setembro, já que é possível observar um movimento de alta do mercado, que se iniciou em 24 de agosto, e que tem sido lento, mas constante.

Nos primeiros sete meses do ano foram observadas uma série de altas. E as quedas que seguiram foram ficando cada vez menores. Mas em Agosto, apesar da moeda ter fechado em alta, foi a mais baixa do ano, US$5859. O que os especialista esperam é que o Bitcoin chegue ao seu maior valor do ano em breve, batendo os US$ 8500 de Julho.

Leia também  Exchange Kraken inicia oficialmente a negociação da criptomoeda anônima Monero

Fim da tempestade

O pessimismo que pairava no mercado parece estar se dissipando lentamente. Via de regra, nos anos de 2015 e 2016 os maiores aumentos do Bitcoin ocorreram em setembro, quando a moeda subiu entre 4.5 – 34%, havendo ainda essa possibilidade para esse ano.

Um fechamento convincente acima da alta mensal de US $ 8.500 quebraria a tendência de baixa, produzindo o primeiro grande movimento de alta do Bitcoin desde o início do ano.

Guia do Bitcoin

Vai ficar de fora?
Para manter-se atualizado sobre novidades, ofertas e dicas, informe-nos que você gostaria de receber atualizações por e-mail inserindo seu endereço de e-mail e clicando para se inscrever. Como usamos as suas informações?​

INSCREVER
close-link