HashOcean e Topmine saem do ar e 5 dicas para não cair em ciladas

Ontem, no dia 26 (domingo) duas empresas que supostamente faziam “mineração na nuvem”, uma chamada HashOcean e a outra Topmine, saíram ao mesmo tempo do ar, deixando milhões de investidores preocupados e se mostrando (mais uma vez) que não passa de mais um golpe nesse perigoso universo de mineração em nuvens. Alguns usuários chegaram a desconfiar de que ambas se tratavam da mesma operação, com os mesmos donos, apenas facilitando o golpe.

De acordo com usuários, a HashOcean pagou os usuários continuamente por mais de 10 meses, o que manteve o esquema no ar e atraiu novas pessoas a entrarem no esquema, além do fato de se investir em Bitcoin e ter o retorno em Bitcoin (com dinheiro seria mais difícil).

hashocean-topmine-caem

Além disso, HashOcean utilizava o modelo de site antigo da DigitalOcean, uma das maiores empresas de hospedagem do mundo, para prestar um serviço totalmente diferente. No entanto, eles nunca mostraram nenhuma prova que eles próprios utilizavam qualquer hardware de mineração. A HashOcean foi um excelente exemplo de um esquema Ponzi Bitcoin, e era apenas uma questão de tempo até que eles sumissem.

Alguns usuários afirmaram que esse era o endereço da carteira do top user (1) e suposto criador do golpe da HashOceanhttps://blockchain.info/pt/address/ca8ed3545ed3c1e33711d495b7a48ed94150c428

Leia também  Localbitcoins apresenta nova estrutura de taxas

Site da HashOcean no momento da publicação dessa postagem:

hash-ocean-e-top-mine-caem
*Página similar a de venda de domínio/whois, ou seja, provavelmente desertaram o domínio hashocean.com.

Já o site da TopMine mostra apenas uma página de permissão negada (erro 403), como se apenas tivessem removido os arquivos que faziam o site funcionar do servidor.

Nós do Guia do Bitcoin, produzimos um pequeno guia que mostra coisas óbvias que identificam operações fraudulentas (scam), envolvendo bitcoins, como o da HashOcean.

Fique atento a alguns sinais e não caia nessa.

#1 Promessa de enriquecer facilmente

A empresa promete um LUCRO altíssimo em curto prazo? Ficar rico da noite para o dia? Esqueça isso, é muito mais fácil e prazeroso estudar, se especializar e investir os seus bitcoins em trading por exemplo, que pode ser até muito mais rentável.

Não esqueça: minerar bitcoin é muito caro e não é rentável

#2 Falta de informações verídicas

Quanto a empresa “esconde” sua identidade é sinal que tem algo de errado. Se pergunte sempre: – quem está por trás desse projeto? essa empresa realmente é registrada? Existem vários sites em que você pode pesquisar a veracidade de uma empresa, eis aqui a lista de alguns deles:

Leia também  Bitfinex revela que lançará nova exchange para tokens do Ethereum, a Ethfinex

Whois.net – Verifica registro de domínios e revela informações como quem é o proprietário ou qual foi a data de registro e em que país está localizado, entre outras.

#3 Fotos da Estrutura

Desconfie de empresas que não têm fotos da sua própria estrutura de mineração ou não produziram nenhum material indicativo, como vídeos, apresentações a respeito. Caso possuam fotos, preste atenção também se não são apenas fotos provenientes de bancos de imagens.

#4 “Marketing Multinível”

Desconfie se a empresa utiliza de sistemas de marketing multinível onde você depende cada vez mais de trazer novas pessoas para crescer (pirâmide), como foi o caso da BitKnock, que também já saiu do ar.

#5 Tempo de funcionamento

Verifique o tempo de funcionamento real da empresa, através de sites como o Whois.Net (na dica #2), é possível verificar a data em que foi registrado o domínio. A HashOcean informava que existia desde 2013, o que passava uma plena confiança para seus usuários. Mas falar é fácil, não é?

Existem sites também que monitoram os serviços de mineração cloud mundo afora, como o CM Monitor.

Quer realmente lucrar com Bitcoin e correndo menos riscos?

trading-bitcoins

Vem para o trading. Basicamente no trading existem análises a serem feitas e perfis a serem estudados, porém é muito melhor e pode ser até mais rentável do que a suposta mineração em nuvem. Esse é o momento em que o Bitcoin está variando bastante, por conta do halving e notícias mundo a fora. Você também pode lucrar com altcoins. Listamos abaixo sites excelentes exchanges para se fazer o trading:

Leia também  Empresa global de auditoria afirma que as Criptomoedas podem ser "a força da nova Economia"

Altcoins:

Poloniex
Bittrex
BitFinex
CEX.io

Atenção: apenas não recomendamos o trading de de Bitcoin nas plataformas acima pois são por USDT, uma moeda chamada Tether, que tem o mesmo valor que o dólar, porém não é fácil conseguir trocar por Dólares $ de verdade, sendo assim prefira por Real R$, (veja abaixo).

Bitcoin:

Foxbit – Maior volume no Brasil
WallTime
Bitcoin To You
CoinBR
Bitstamp – a primeira 100% licenciada em todo o mundo, porém negocia somente em dólares e nos EUA

2 Comentários



  1. Pessoal Boa noite a todos vocês sabem se o guia 27 o Bitcoins mais e o ajuda Bitcoins são do mesmo grupo porque faço parte parte dos três neste domingo dia 16 de julho todos os três sairão do ar o ajuda Bitcoins e o Bitcoins mais e o não investe nada mas o guia 27 enveste 97 reais para fazer parte da conta Premium Boa noite e obrigado

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *