Halving do Bitcoin pode decepcionar, diz analista

0 Comentários

O Bitcoin tem enfrentado uma turbulência tremenda nas últimas semanas, com seu preço tendo um rali surpreendente, onde chegou próximo dos US$14.000 antes de retroceder e perder a maioria dos ganhos que esse movimento de alta trouxe.

O Halving é um evento de longo prazo que tem sido amplamente visto como sendo otimista e está prestes a ocorrer, mas um analista de destaque na comunidade está avisando que, talvez, o evento não vá trazer o resultado esperado.

Segundo a personalidade do criptomercado, na verdade o halving pode ser um momento de perdas.

As recompensas de mineração do Bitcoin vão cair pela metade, o que deve ocorrer em algum momento de maio. Esse evento há muito tempo é visto como um impulso para um grande momento de alta.

Acredita-se que o halving terá esse efeito por vários motivos, desde a oferta e demanda, até os dados históricos que comprovam que a queda na recompensa sempre foi positiva.

Este ano, no entanto, o Bitcoin não está expressando os sinais de alta que costuma ter no período imediatamente anterior a esses eventos, o que pode significar que o halving vai, na verdade, decepcionar muita gente e poderá sucumbir à pressão de compra, derrubando o preço do criptomercado.

Willy Woo, um analista de criptomoedas, falou sobre isso em um tweet recente, explicando que o BTC nunca entrou em um halving de recompensa com uma ação de preço de baixa, o que poderia significar que o evento realmente se mostraria um catalisador de uma queda e que estenderia ainda mais o mercado de urso de 2018 e 2019.

 

Como comprar Ethereum no Brasil

 

“NUNCA entramos em um halving em meio a ação do preço ‘BEARISH’, mineradores já estão capitulando as perdas e acrescentando volume de vendas. Historicamente, o halving era seguido de um momento de alta, com os mineradores capitulando apenas após a redução da recompensa, quando as receitas são reduzidas. Esta é uma configuração única. Muito baixa antes do evento”, observou ele.

Woo continuou explicando que, à medida que o preço do Bitcoin diminui, as operações menores de mineração são encerradas por não serem rentáveis. Isso acontece sempre em grandes quedas.

Como Woo informou, quando o preço do Bitcoin caiu de US$6 mil para US$3 mil, várias mineradoras faliram e o “fundo” do preço foi encontrado semanas depois, já que os mineradores estavam despejando suas moedas no mercado antes de falirem de vez.

“Bem, desta vez, caímos de US $ 14 mil -> US $ 7,5 mil e isso está matando mineradores fracos que estão novamente despejando antes de morrerem de vez. Isso contribui para a ação já de baixa, então este não é um setup bom nos 6 meses antes ao halving por causa da pressão de venda. Você não pode desenhar fractais repetidos, os fundamentos são diferentes”, explicou ao falar sobre como os dados históricos não são o suficiente para determinar o futuro da moeda.

Se o Bitcoin não puder entrar em qualquer momento de alta sustentável nas próximas semanas e meses, Woo poderá estar certo e o próximo halving poderá resultar em uma ação de baixa no preço.

Veja também: Creche Vó Cristina recebe doação de Meetup em Cuiabá

Mantenha-se informado todos os dias sobre Bitcoin! Se inscreva em nossas redes sociais:

Investir é especulativo. Ao investir seu capital está em risco. Este site não se destina a uso em jurisdições em que a negociação ou os investimentos descritos são proibidos e só devem ser usados por essas pessoas e de maneiras que sejam legalmente permitidas. Seu investimento pode não se qualificar para a proteção do investidor em seu país ou estado de residência, portanto, conduza sua própria devida diligência. Este site é gratuito para você usar, mas podemos receber comissões das empresas que apresentamos neste site. Clique aqui para obter mais informações.